Bitcoin valerá US$ 12,5 milhões em menos de uma década, aponta executivo

Ao longo da conversa, o executivo também recomenda que as pessoas montem portfólios baseados em suas visões sobre o mundo, mas que para isso devem ir a fundo sobre elas.

Para Roberd Breedlove, os dias de glória do dólar estão próximos de seu fim. Como consequência, o executivo acredita que o Bitcoin chegará a US$ 12,5 milhões por unidade, cerca de R$ 67,5 milhões na conversão atual.

Embora tal valor pareça absurdo, Breedlove não está sozinho neste pensamento. Como exemplo, Arthur Hayes acredita que o BTC chegará a US$ 1 milhão em breve.

O motivo da queda do dólar está relacionado ao controle dos EUA, não aceito por diversos outros países, principalmente pelo risco de confisco, como aconteceu recentemente com a Rússia.

Além disso, a história aponta que a dominância de uma moeda fiduciária dura apenas 100 anos, como mostrado na imagem abaixo. Sendo assim, isso reforça a tese de que o dólar cairá e que o Bitcoin pode ser a próxima moeda global.

Ciclo de dominância das moedas no mundo. Fonte: Twitter/Reprodução.

“Você pode olhar para a Venezuela onde há dinheiro entupindo as sarjetas porque ninguém se importa com o dinheiro. O dinheiro perdeu tanto do seu valor que não vale o papel em que é impresso”, comenta Robert Breedlove da Parallax Digital. “Chegará um momento em que o preço do Bitcoin em dólares americanos não fará mais sentido e vamos parar de cotar o preço do bitcoin em dólares.”

“Começaremos a cotar os preços de todos os bens e serviços em satoshis e acho que isso acontece em algum lugar entre 2031 e 2035.”

A citação acima é de Robert Breedlove durante conversa com o Altcoin Daily no mês passado, sendo mais um que acredita que o dólar será destruído pela sua própria “impressora”, assim como aconteceu com outras moedas estatais destruídas pela hiperinflação.

Bitcoin a 12,5 milhões de dólares em 2031

Em outro trecho, Breedlove chega a comentar em números o que isso significa para o Bitcoin, ilustrando melhor o significado da queda do dólar. Além da soma chamar atenção, o curto período de menos de uma década também chama atenção em sua previsão.

“Sei que o DXY [índice do dólar americano] subiu recentemente, mas eu meio que espero que essa coisa fique volátil antes de quebrar. Se for esse o caso, tenho uma previsão de preço em que o Bitcoin valha US$ 12,5 milhões até o ano de 2031.”

Ao longo da conversa, o executivo também recomenda que as pessoas montem portfólios baseados em suas visões sobre o mundo, mas que para isso devem ir a fundo sobre elas.

Seguindo, além de falar bastante sobre o dólar, Breedlove também destaca que a maioria das altcoins desaparecerão. Indo além, cita os motivos pelos quais o Ethereum falhará, citando principalmente o Proof-of-Stake, novo modelo implementado pela segunda maior criptomoeda do sistema.

A conversa de Robert Breedlove no Altcoin Daily pode ser assistida na íntegra abaixo.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Bitcoin 2024

Últimas notícias