Bitcoin bate novo recorde e supera US$ 49 mil

Siga no

O Bitcoin acaba de bater um novo recorde e está avançando em direção aos tão esperados US$ 50 mil. Na manhã deste domingo (14), a moeda digital alcançou máxima de US$ 49.716, de acordo com dados da Coindesk, uma alta de 4,5% nas últimas 24 horas.

Após a Tesla anunciar investimento na moeda digital na segunda-feira (8), o bitcoin iniciou  um rápido movimento de alta e registrou ganhos de 25,10% na semana. A capitalização de mercado subiu para US $ 911 bilhões.

BItcoin US$ 49.716. Imagem: Coindesk
BItcoin US$ 49.716. Imagem: Coindesk

No brasil a moeda digital se aproxima do valor recorde de R$ 270 mil, sendo negociada agora por R$ 266.500,00 na principais corretoras do país, de acordo com dados da BitcoinTrade.

Apesar de não haver nenhum motivo especifico para a alta no preço neste domingo, analistas afirmam que o interesse dos investidores institucionais no bitcoin está crescendo “a um ritmo impressionante”.

Um dos possível motivos para o novo ímpeto pode ser a notícia de que o banco de investimentos Morgan Stanley pode investir cerca de US $ 150 milhões em Bitcoin.

Bitcoin R$ 266.500,00. Imagem: BItcointrade
Bitcoin R$ 266.500,00. Imagem: BItcointrade

Se o preço do bitcoin finalmente alcançar os US $ 50 mil, ele poderá receber um novo influxo de investidores, segundo analistas. Com um preço acima dessa faixa, uma “inundação” de novas instituições poderão investir em bitcoin, e isso pode continuar a empurrar o preço para novas máximas.

Raoul Pal, presidente-executivo da Real Vision e ex-diretor da Goldman Sachs na Europa, afirmou que a entrada de instituições como a Tesla criou um ciclo recursivo que impulsionará a demanda por Bitcoin.

Para o analista, na medida que o preço do bitcoin aumenta, mais instituições querem investir nele para não ficar para trás ou chegar tarde de mais no mercado, além disso, quanto mais empresas investirem na moeda digital, mais difícil será para reguladores tentarem parar o sucesso da moeda:

“Lembre-se de que, à medida que a capitalização de mercado do bitcoin aumenta, ele força mais instituições a entrar nele. Quanto mais instituições o adotarem, mais os outros devem fazê-lo e mais difícil será para os reguladores para-lo. Um ciclo reflexivo perfeito com o carinha na frente controlando tudo.”

Dados técnicos de um dos principais analistas do mercado também indicam que a moeda digital pode subir ainda mais.

O analista “PlanB” observou que o índice de força relativa da criptomoeda está em um caminho semelhante ao que estava no ciclo de alta anterior. Se a história se repetir, o bitcoin ainda tem espaço para valorizar mais antes de sofrer uma correção.

RSI 90. Imagem: PlanB
RSI 90. Imagem: PlanB

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Real-inflação (imagem: SHutterstock)

Inflação batendo as portas, como se proteger?

A inflação é totalmente sem educação, entra em nossas casas sem permissão ou aviso prévio e fica por um bom tempo morando conosco. É...
Mineração de Bitcoin, moeda BTC e GPU

Preço do Bitcoin cai após hashrate atingir mínima anual

A recente queda no preço do Bitcoin coincidiu com a baixa no hashrate da rede, com uma possível capitulação de mineradores do mercado. Vale...

Bilionário Steven Cohen diz que se converteu “totalmente às criptomoedas”

Steven Cohen, chefe da Point72 Asset Management, bilionário estrategista e um dos traders mais bem-sucedidos da atual geração, disse em uma recente entrevista que...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias