Bitcoin cai mais de 1500 dólares em menos de duas horas, entenda

Siga no

A queda do Bitcoin na manhã desta sexta-fera (17) deixou todo mundo surpreso, mas também tirou muitos touros do armário. A última alta era boa demais para ser verdade, por isso, muitos traders esperavam por uma correção. O Bitcoin caiu mais de US $ 1.500 em menos de 2 horas.

Durante a correção, o bitcoin caiu para US $ 6.192. A capitalização de mercado chegou a US $ 128 bilhões.

A extensão da queda no preço do Bitcoin variou em diferentes corretoras. Na Coinbase, maior dos EUA, o preço caiu para US $ 6.600, na Bitfinex, caiu para US $ 6.990. A queda foi maior na exchange Bitstamp, onde foi negociada por $ 6.178.

A queda nos preços pode ser atribuída à ordem da Suprema Corte de Nova York de congelar novas transferências para Bitfinex. Esta decisão do tribunal deveu-se ao fato de a liminar original imposta pela NYAG ser vaga, excessiva e não limitada no tempo. Além disso, a ordem da Suprema Corte de Nova York foi vista pela Bitfinex como uma vitória que foi comunicada pela empresa em seu blog.

Outro motivo, o preço do Bitcoin na Bitstamp caiu 18%, de US $ 7.600 para US $ 6.250, das 2:58h às 3h09; em apenas 11 minutos. A Bitstamp é uma das duas exchanges usadas para determinar o preço do índice do Bitcoin na BitMEX, junto com a Coinbase. Como resultado, quando o preço caiu na Bitstamp, US $ 250 milhões de posições compradas foram liquidadas na BitMEX, o que reduziu ainda mais o preço em outras corretoras.

A Bistamp disse que “uma grande ordem de venda foi executada em nosso par de BTC/ USD hoje, impactando fortemente as ordens de compra” e reiterou que o sistema se comportou como projetado “processando e cumprindo os pedidos dos clientes”. Além disso, a Bitstamp disse que examina de perto cada evento que causa movimentos em grande escala em sua carteira de pedidos. 

15 minutos após o acidente, o preço do bitcoin se recuperou e foi negociado acima de US $ 7.000 novamente. Até o fechamento desta matéria, o bitcoin é negociado a US $ 7.100.

Outras grandes criptomoedas caíram junto com o Bitcoin. As maiores perdas registradas pelos ativos foram: Stellar (-16,46%), XRP (-14,60%) e Cardano (-14,26%).

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org Sugestão de pauta: mateus@livecoins.com.br

Criptomoedas mais populares atualmente são de jogos

De acordo com medidores de popularidade de criptomoedas, uma nova tendência parece estar começando dentro do mercado de criptomoedas: a popularização dos ativos ligadas...

Sob pressão regulatória, maior corretora de Bitcoin do mundo decide limitar saques de novos...

A Binance, maior corretora de criptomoedas do mundo, sempre teve uma postura não muito rígida em relação as regras de KYC (identificação de clientes)...
Movimentos de baleias em gráfico do Bitcoin

Baleias compraram 170 mil bitcoins nas últimas cinco semanas

Um recente estudo publicado pela Santiment revelou que as baleias (grandes detentores) compraram 170 mil bitcoins nas últimas cinco semanas, avaliados em cerca de...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias