Bitcoin dispara em 15% e pode chegar em US$ 5 mil, entenda

O que fez o Bitcoin subir tanto no mercado?

Siga no

Criptomoeda cresce inesperadamente nesta terça-feira (2) e chega em quase US$ 4.800.

O preço do Bitcoin subiu 15% na madrugada desta terça-feira (2). O movimento deixou muitos investidores surpresos, que não esperavam por uma súbita valorização da criptomoeda. Com essa subida, o Bitcoin (BTC) encosta em US$ 4.800, mirando o próximo nível de US$ 5 mil que pode ser atingido nas próximas horas.

Com o crescimento repentino do Bitcoin, todo o mercado segue em valorização. A criptomoeda subiu cerca de US$ 600 em apenas no início da madrugada e manteve esse aumento até então. O movimento, foi completamente inesperado pelo mercado, que aguardava uma valorização mais tímidas e escalar nos próximos dias.

US$ 4.800 pode ser o próximo nível de resistência do Bitcoin

Investidores comemoram a valorização do Bitcoin no mercado nas últimas horas. A criptomoeda conseguiu saltar de menos de US$ 4.200 para chegar em quase US$ 4.800. Tudo indica que esse movimento de alta poderá ser mantido. Alguns investidores esperam para que os US$ 5 mil sejam atingidos. Esse deve ser o próximo nível de resistência quebrado pela criptomoeda.

O mercado esperava pelo crescimento lento do Bitcoin nos próximos dias. Desde o início de 2019 o Bitcoin não conseguia quebrar um importante nível de resistência. Sendo assim, por três meses a criptomoeda manteve-se próximo de US$ 4.200, mas nunca ultrapassava essa marca.

O que fez o Bitcoin subir tanto no mercado?

O Bitcoin estava prestes a ultrapassar os US$ 4.200, no que seria o nível de resistência da criptomoeda. Porém, com a valorização deste dia, esse nível de resistência deixou de ser algo a ser superado pelo Bitcoin.

Ainda é cedo para afirmar qual será o próximo nível de resistência do Bitcoin. Com o movimento nas últimas horas, o valor de US$ 4.800 ainda não foi atingido. Dessa forma, essa deverá ser a cotação a ser alcançada pelo ativo digital antes de chegar em US$ 5 mil.

Após o impulsionamento de 15% de valorização, essas duas faixas parecem estar próximas de serem alcançadas pela criptomoeda. Para isso, basta o Bitcoin manter seu desempenho, continuando a explorar novas máximas no mercado nas próximas horas.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Paulo Carvalho
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".

Coluna do TradingView: Ethereum surpreende com teste na ATH

Após correção de mais de 20% na semana passada, Ethereum reage rapidamente chegando a ensaiar rompimento do topo histórico. Confira o que os analistas...

Dono de corretora de criptomoedas some e deixa 390 mil clientes no prejuízo

Uma importante corretora de criptomoedas da Turquia, chamada Thodex, começou a apresentar problemas em suas operações e em saques, preocupando vários dos seus clientes. A...

Odysee, o Youtube descentralizado chega ao Brasil

A plataforma decentralizada da Lbry continua expandindo seus horizontes com o lançamento do Odysee Brasil, um site com mais de 780 mil criadores de...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias