“Bitcoin está condenado e mineradores são falsificadores”, diz CEO do segundo maior banco da Rússia

O banqueiro afirmou que o sistema financeiro de qualquer governo não pode permitir a existência de uma moeda que não seja controlada por agências governamentais.

Siga no
Andrey Kostin. Imagem: Wikimedia
Andrey Kostin. Imagem: Wikimedia

Andrey Kostin, o CEO do segundo maior banco da Rússia, o VTB, disse que criptomoedas como o Bitcoin, estão condenadas. Para o banqueiro, apesar do crescimento da moeda digital, “ela está fadada ao fracasso”. Ele também classificou os mineradores de criptomoedas como “falsificadores”.

Em uma conferencia com usuários do serviço oferecido pelo banco, Kostin disse que os governos não permitirão que uma determinada moeda exista sem regulamentação, caso essa moeda ocupe um lugar significativo nas transações de câmbio e orçamentárias.

Segundo ele, claramente irritado com as moedas digitais, quaisquer criptomoedas, independentemente de sua taxa e confiança do usuário, estão fadadas a desaparecer, já que, em sua opinião, os bancos centrais acabarão por introduzir suas próprias moedas digitais.

“Acredito que a moeda digital é uma coisa inevitável, porque o mundo está se tornando digital. Ao mesmo tempo, sempre acreditei que moedas digitais de “segunda”, como o Bitcoin, apesar do grande aumento em seu preço, ainda estão condenadas”, explicou.

“Mineradores são falsificadores”

Ao falar da mineração de criptomoedas, o banqueiro comparou a indústria à produção dinheiro falso, cujo nenhum governo pode tolerar.

“Todos os países ou grupos de países, como a União Europeia, aderem à sua própria política monetária e regulam a oferta de moeda e a inflação do país. Nenhum governo pode ficar do lado de quem minera dinheiro, na verdade, isso é falsificação”, disse o banqueiro.

Ele acrescentou que o sistema financeiro de qualquer governo não pode permitir a existência de uma moeda que não seja controlada por agências governamentais e ao mesmo tempo ocupe um lugar notável nas operações orçamentárias.

“O governo, que regula a oferta de dinheiro, não pode assistir com calma como a moeda é criada, isso é falsificação [de dinheiro]. Portanto, os países seguirão um caminho diferente – a criação de moedas digitais estatais”.

Moeda digital da Rússia

O CEO do banco afirmou que vê um grande potencial nas moedas digitais de bancos centrais (CBDC), as quais muitos governos já estão desenvolvendo.

O Banco Popular da China (PBOC) está testando seu yuan digital em diferentes cidades.  Kostin elogiou a experiência das autoridades chinesas em relação à moeda digital. “Dado que o mundo moderno está se tornando mais digital, mais cedo ou mais tarde todos os bancos centrais vão lançar moedas digitais nacionais”, acrescentou.

“Muitos países, incluindo a Rússia, embarcaram no caminho de criar suas próprias moedas digitais e têm um grande futuro. Essa tendência é inevitável”, disse.

Em outubro do ano passado, o Banco Central da Rússia apresentou o conceito do rublo digital. Não está excluído que a moeda irá competir com o sistema global de pagamentos SWIFT.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Próxima queda do mercado cripto será brutal, alerta “Cobra”, dono do bitcoin.org

O mercado de criptomoedas é cheio de altos e baixos, ao longo de 12 anos os investidores viram períodos de altas constantes, chamados de...

O ouro físico está perdendo espaço para o ouro digital

Nos últimos dias, Neel Kashkari, presidente do banco central americano, disse que não ficaria surpreso se a taxa de inflação nos Estados Unidos subissem...

Repressão global às criptomoedas pode estar chegando, alerta CEO da Kraken

Recentemente o Bitcoin e várias outras criptomoedas tiveram uma alta surpreendente, com muitas alcançando novas máximas históricas (como é o caso do Bitcoin e...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias