Bitcoin tem 460 milhões de carteiras, mas apenas 37% são “economicamente relevantes”

-

Siga no
Bitcoin perdidos
Bitcoin perdidos - Imagem: Livecoins
Anúncio

A empresa de pesquisa Chainalysis divulgou um relatório mostrando que apenas 27 milhões dos endereços de Bitcoin na blockchain são “economicamente relevantes”. O relatório da Chainalysis mostra que a rede blockchain do Bitcoin tem um total de 460 milhões de endereços, dos quais apenas 172 milhões são relevantes.

Esses 172 milhões de endereços BTC são “controlados por pessoas ou serviços que atualmente possuem bitcoin”. Desses 172 milhões de endereços relevantes, apenas 27 milhões realmente detêm (hold) Bitcoin. O relatório também afirma que 86% dos endereços pertencem a corretoras de criptomoedas e o mercado de deep web.

Anúncio

O relatório observa também que “apenas 20% das transações na rede Bitcoin são econômicas”.

Gráfico mostrando transações com valor econômico real

O  relatório da Chainalysis também mostra o gráfico das transações realizadas no período de agosto de 2018 a outubro de 2018. Foram realizadas transações que somaram juntas US $ 41 bilhões, das quais apenas 21,5% ou US $ 9 bilhões tiveram valor econômico real.

O relatório menciona também: “Embora métricas disponíveis publicamente, como número de endereços e volume de transações, forneçam alguma informação sobre a rede bitcoin, elas não vão longe o suficiente para capturar a complexidade de uma rede na qual apenas uma fração de contas detem bitcoin. e apenas uma pequena proporção das transações tem valor econômico”.

Além disso, acrescenta: “Olhando além dos indicadores de primeira linha e vinculando a atividade a endereços específicos, podemos oferecer uma visão mais granular e aprofundada da atividade da rede bitcoin. Nosso profundo conhecimento sobre criptomoedas ajuda as organizações a entender o espaço e tomar decisões melhores sobre suas próprias ofertas.”

Citando o relatório da Chainalysis, a Bloomberg informou que pouco antes do crash do mercado no mês de novembro, a quantidade de BTC fluindo para as carteiras pessoais estava em alta. Em 1º de novembro, o total do fluxo de BTC foi de US $ 400 milhões, o que representa um aumento de 33% em relação a apenas US $ 300 milhões em junho. Isso é um indicativo do fato de que as pessoas estavam estocando mais BTC a preços mais baixos.

Investidores institucionais que preferem mercados OTC

No início desta semana, um relatório da Diar mostrou que os investidores institucionais estão se movendo em direção aos mercados de Bitcoin over-the-counter (OTC) que oferecem maior liquidez. O relatório menciona que a Coinbase viu um salto de 20% nos volumes de negociação BTC este ano.

O relatório Diar afirma: “A Coinbase, que representa apenas uma fração dos mercados globais, viu 30% a mais de negociação fora das horas de negociações tradicionais. Sem tempo para as negociações, as instituições exigiriam o acesso ininterrupto ao mercado que permanece altamente volátil, apesar de ter diminuído para novas mínimas este ano”.

No entanto, um relatório da Blockchain Transparency Institute (BTI) divulgado no início desta semana mostra que a maioria das corretoras tem falsificado os dados dos volumes de transação. Apenas duas corretoras – Binance e Bitfinex forneceram informações precisas. O relatório do BIT observou:

“Mais de 80% do volume de pares BTC top 25 do CMC é falso. Essas empresas continuam a usar essas estratégias como um modelo de negócios para roubar dinheiro de projetos de ICO”.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, aprendiz e entusiasta de criptomoedas e blockchain. Sugestão de pauta: [email protected]
Bitcoin em corretoras de criptomoedas

CEO da MicroStrategy: “podemos despejar R$ 1.3 bi em Bitcoin no mercado a qualquer...

Após comprar de R$ 1.3 bilhão em bitcoin como reserva de valor, a MicroStrategy se tornou um nome importante para os defensores da moeda...
Prédio da PGR - Ministério Público Federal do Brasil (MPF) investigando

MPF está investigando ataque hacker em seus servidores

O Ministério Público Federal (MPF) está investigando um suposto ataque hacker em seus servidores. De acordo com um portal de notícias, dados do órgão...

Finanças Descentralizadas (DeFi) caem 40%, será o fim?

Nos últimos dias assistimos um massacre das moedas de finanças descentralizadas (DeFi), com quedas entre 30% e 58%. Talvez você não tenha acompanhado a...

Últimas notícias

MPF está investigando ataque hacker em seus servidores

O Ministério Público Federal (MPF) está investigando um suposto ataque hacker em seus servidores. De acordo com um portal de notícias, dados do órgão...

Finanças Descentralizadas (DeFi) caem 40%, será o fim?

Nos últimos dias assistimos um massacre das moedas de finanças descentralizadas (DeFi), com quedas entre 30% e 58%. Talvez você não tenha acompanhado a...

Pioneira, gestora carioca lança primeiro ETF de criptomoedas do mundo

A gestora Hashdex, sediada no Rio de Janeiro (RJ), informou nesta semana que recebeu aprovação para lançar o primeiro ETF (sigla para fundo negociado...