Inicio Altcoins Bithumb: Maior corretora de criptomoedas da Coréia do Sul foi hackeda

Bithumb: Maior corretora de criptomoedas da Coréia do Sul foi hackeda

A Bithumb disse que o “incidente envolveu pessoas internas” que tinham acesso às chaves privadas.

-

Compartilhe

Bithumb, a maior corretora de criptomoedas da Coréia do Sul foi hackeada na última sexta-feira (29). Mais de 3 milhões em EOS (~ US $ 12,7 milhões) e 20 milhões em XRP (~ US $ 6,2 milhões) parecem ter sido roubados. Em um comunicado oficial, a empresa disse que todas as criptomoedas roubadas não são dos clientes, mas sim da própria compania. A exchange afirmou que os fundos dos usuários estão seguros em carteiras frias.

A Bithumb afirmou que após fazer uma análise interna, “é provavél que o incidente contou com ajuda de ‘pessoas de dentro'”. A corretora já está conduzindo investigações com a Agência Coreana de Internet e Segurança, a Agência de Polícia Cibernética e empresas de segurança.

Este hack na Bithumb é o segundo em menos de um ano, quando a empresa perdeu mais de US $ 31 milhões em junho de 2018. A corretora conseguiu recuperar alguns fundos, mas os hackers ainda ficaram com US $ 17 milhões. Em março, a Bithumb anunciou que iria demitir 310 funcionários, metade de sua equipe.

De acordo com a empresa de segurança blockchain PeckShield, a moeda digital roubada (EOS) foi enviada rapidamente para várias outras corretoras. A maior quantidade foi enviada para a corretora EXMO, seguida pela Huobi e Changelly.

- Publicidade -

Uma das corretoras para os quais os fundos foram enviados, a ChangeNOW emitiu a seguinte declaração: “Estamos trabalhando em cooperação com a Bithumb e todos os participantes da investigação. Transações em EOS foram temporariamente desativados.”

A distribuição completa de onde os fundos roubados em EOS foram enviados pode ser vista abaixo.

Para onde os fundos roubados em EOS foram enviados. Fonte: THE BLOCK
Para onde os fundos roubados em EOS foram enviados. Fonte: THE BLOCK

Suspeita de trabalho interno

De acordo com a Dovey Wan da Primitive Ventures, que cita dados de equipes locais de análise de blockchain, empresas de segurança cibernética e outras fontes, a carteira EOS da Bithumb hackeada resultou na perda três milhões de tokens. Esta soma está avaliada em US $ 12,5, de acordo com o preço da EOS hoje.

Wan twittou o fluxo de fundos roubados em detalhes, ele revelou que a carteira XRP da Bithumb (rLaHMvsPnPbiNQSjAgY8Tf8953jxQo4vnu) também foi hackeada e viu 20 milhões de XRP sendo transferidos.

Parece também que já é tarde demais para a EOS.io congelar os fundos, já que o hacker vendeu muito EOS através da ChangeNow, uma plataforma de troca de criptomoedas que não possui procedimentos KYC.

Uma vez que o ataque foi descoberto, a Bithumb pausou seus processos de depósitos e saques. Em um comunicado explicando por que isso aconteceu, a Bithumb julgou o “incidente envolvido por pessoas internas” que tinham acesso às chaves privadas.

Se é um trabalho interno então não se trata de um hack, certo? na verdade pode ser classificado como um roubo. A razão pela qual os analistas estão sugerindo que isso é um hack é devido à distribuição dos três milhões de EOS, que foram enviados para corretoras como EXMO, Huobi, Changelly, KuCoin e CoinSwitch. Curiosamente, no entanto, restam 63% dos fundos hackeados na suposta carteira do ladrão, ou hacker.

XDEX: Negocie bitcoin com TAXA ZERO. Aproveite também para negociar outras 6 criptomoedas com as menores taxas do mercado. Abra sua conta, é grátis!
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter para começar e terminar o dia bem informado. Cadastra-se também na Newsletter para receber em seu e-mail.

MAIS LIDOS

“Dinheiro não existe”: justiça orienta vítimas a sacarem tudo da Unick Forex

A Unick Forex está sendo investigada pela justiça brasileira. Após uma filial do escritório da empresa ser fechado no interior do Rio Grande do...

Banco Central do Brasil quer dominar a tecnologia blockchain

A tecnologia blockchain foi citada pelo presidente do Banco Central do Brasil, como algo que deverá ser dominado pela economia. Através de uma audiência...

Justiça criminal vai julgar acusações de pirâmide financeira contra a Unick Forex

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou uma denúncia contra a Unick Forex. A empresa, que já foi acusada de ser uma “pirâmide financeira”, foi...
 
Compartilhe