Coinbase pode estar por trás da alta do Bitcoin

Só existem mais 2500 bitcoins com preço menor que US$ 100 mil nas ordens de venda da Coinbase

Siga no

A Coinbase, a maior corretora de criptomoedas do Estados Unidos e uma das maiores do mundo pode ser a catalisadora do rally que viu o Bitcoin ultrapassar a barreira dos US$ 33 mil neste sábado (02).

Nos últimos dois dias o preço do Bitcoin negociado na Coinbase foi maior que em outras empresas, isso pode ser um indicador de que a demanda na corretora é maior que em outras plataformas.

Um analista do mercado confirmou o fato e descobriu que mais de 12 mil bitcoins foram retirados da Coinbase só nas últimas 48 horas.

É importante lembrar que no passado a MicroStrategy comprou mais de US$ 400 milhões na moeda digital e depois foi revelado que os bitcoins foram adquiridos na Coinbase.

Na época, a Coinbase afirmou que intermediou a compra de bitcoins desempenhando um papel fundamental no processo. A empresa disse que a compra levou um total de cinco dias para ser completada, com quase 200 mil ordens de venda e uma média de 0,3 BTC por transação.

A data em que a empresa revelou a compra pode ser comparada com a saída de diversos bitcoins na Coinbase.

Neste sábado, portanto, com a saída de 12.063 bitcoins da corretora, analistas acreditam que algum grande investidor está comprando a moeda digital. Ou vários.

Mas a informação ainda não foi divulgada. O detalhe importante é que os bitcoins estão saindo para carteiras frias.

“12.063 BTC saíram da Coinbase e foram para várias carteiras frias”, disse o Ki Young Ju, diretor da CryptoQuant.

O preço do Bitcoin disparou, mas a cada vez que sobe a pressão de venda diminui, ou seja, nem todo mundo parece estar querendo vender a moeda digital imediatamente, já que ela pode valorizar mais na visão de vários analistas de mercado. Em outras palavras, há menos bitcoins à venda porque as pessoas não querem vender algo que pode valorizar.

Um indicador assustador é que na Coinbase só existem mais 2500 bitcoins com preço menor que US$ 100 mil.

A maioria dos detentores já criaram ordens de venda para valores acima de US$ 100 mil. Isso significa que as pessoas que querem comprar a moeda digital abaixo desse valor terão dificuldade de encontrar ou, na verdade, nem encontrarão mais.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Amazon e mão segurando Bitcoin

Amazon nega rumores de que vai aceitar Bitcoin como pagamento

A Amazon, terceira maior empresa em valor de mercado do mundo, negou nesta segunda-feira (26) que irá aceitar Bitcoin como pagamento este ano. Nos...
Preço do Bitcoin acima de US$ 40 mil

Após seis dias em alta, Bitcoin supera US$ 40 mil

O preço do Bitcoin rompeu os 40 mil dólares em um movimento forte do lado comprador e após seis dias de fechamento diário em...
Hacker segurando Bitcoin

Trader de Bitcoin tem e-mail hackeado e perde R$ 350 mil

Um trader de Bitcoin alega ter sido hackeado após um vazamento de dados e como resultado perdeu tudo que tinha na corretora Binance. Seu...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias