Corretora de Bitcoin é hackeada e perde R$ 432 milhões

A AscendEX afirmou que está fazendo uma análise para saber como os hackers roubaram os fundos. Além disso, a empresa prometeu cobrir todos os fundos dos usuários que foram  afetados pelo incidente.

Pessoa com capuz vermelho e identidade oculta, hacker
Pessoa com capuz vermelho e identidade oculta /Imagem de Dr StClaire por Pixabay

A plataforma de criptomoedas AscendEX, anteriormente conhecida como BitMax, informou através do Twitter que sofreu um ataque hacker. Ao mesmo tempo, usuários começaram a reclamar que não estavam conseguindo realizar saques na plataforma.

A empresa informou que os hackers roubaram vários tokens ERC-20, BSC e Polygon de suas carteiras. Como resultado, a corretora de criptomoedas perdeu US$ 77,7 milhões, cerca de 432 milhões de reais.

De acordo com um tweet da PeckShield, empresa de análise de dados e segurança de blockchain, cerca de US $ 60 milhões em tokens foram transferidos através da blockchain Ethereum.

R$ 432 milhões roubados

Os tokens roubados da Binance Smart Chain e da Polygon somam US $ 9,2 milhões e US $ 8,5 milhões, respectivamente, de acordo com dados do EtherScan.

A corretora disse também que os usuários que foram afetados pelo hack receberão uma compensação.

“Descobrimos que tokens ERC-20, BSC e Polygon foram roubados de nossas carteiras. A investigação continua”, disse a empresa em um comunicado.

Este é o segundo hack em menos de um mês em uma corretora centralizada. Na semana passada, a Bitmart também foi vítima de hackers que roubaram cerca de US $ 200 milhões em várias criptomoedas.

A plataforma de negociação suspendeu temporariamente os saques, mas os retomou dias depois e prometeu compensar os usuários.

A AscendEX afirmou que está fazendo uma análise para saber como os hackers roubaram os fundos. Além disso, a empresa prometeu cobrir todos os fundos dos usuários que foram  afetados pelo incidente.

Ao confirmar o ataque hacker, o CEO da empresa anunciou que todas as transações foram temporariamente suspensas para que eles pudessem investigar mais.

Os ataques recentes em plataformas como BadgerDAO e BitMart aconteceram em menos de um mês. Assim, fica claro que os riscos do mercado de criptomoedas não está apenas relacionado à volatilidade dos preços. Tornou-se mais essencial do que nunca para os investidores negociar em empresas que levam os procedimentos de segurança mais a sério.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Últimas notícias