Criador do Ethereum agora é bilionário

Vitalik Buterin, criador do Ethereum, tem pouco mais de 330.520 ethers.

Siga no
Vitalik Buterin, criador do Ethereum cofundador
Vitalik Buterin/Reprodução

Após uma semana em queda, o mercado de criptomoedas voltou a reagir durante o final de semana, elevando o preço de vários ativos, incluindo o Bitcoin e algumas das principais criptomoedas. Na recente alta o Ethereum atingiu um novo recorde de preço, chegando a US$ 3.160 na manhã desta segunda-feira (3). 

Entre os muitos ganhadores que conseguiram lucrar com a guinada do ativo digital, um dos que mais se destacaram foi o próprio criador do Ethereum, Vitalik Buterin.

Como é de se imaginar, ele tem uma grande quantidade de ethers em sua carteira publicamente conhecida. Vitalik tem pouco mais de 330.520 ethers, o que coloca a fortuna do criador da plataforma em mais de US $ 1 bilhão, tornando Vitalik oficialmente um membro do clube dos bilionários.

Com essa marca, Vitalik Buterin se torna um dos mais jovens bilionários do criptomercado e um dos mais jovens bilionários do mundo, principalmente se deixarmos de lado heranças.

Vitalik não é o único que está vendo o seu portfólio crescer com a alta do mercado. Hoje mais cedo o perfil Whale Alert identificou uma transação de 16 mil Ethers, avaliada em pouco mais de US $ 50 milhões (R$ 270 milhões), para uma carteira desconhecida.

Ou seja, há baleias estão movimentando grandes quantidades da moeda digital e muitas podem até mesmo ter mais dinheiro do que o próprio Vitalik.

Qual o futuro do Ethereum?

2021 está sendo um ano excelente para o Ethereum. Tal como o Bitcoin, a maior criptomoeda alternativa do mercado começou a valorizar a partir de meados do ano passado e entre correções e altas, vem tendo um ótimo desempenho.

A performance do Ethereum está 3 vezes melhor que a do Bitcoin desde o começo do ano.

Raoul Pal, fundador da Global Macro Investor, falou sobre isso recentemente, afirmando que o rendimento YoY (Ano a ano) do Ethereum é de 150% enquanto o do Bitcoin é de 50%.

Existem muitos motivos que justificam essa recente alta do Ethereum, dois que com certeza têm influência na alta é o mercado DeFi e os NFTs.

Até o momento o Ethereum é a principal plataforma para o funcionamento desses dois setores, e isso acaba levando muito interesse à rede.

Outro ponto que pode estar levando muitos a apostarem no Ethereum é a chegada do tão aguardado Ethereum 2.0. Uma atualização geral que vai transformar a rede de diferentes maneiras, incluindo taxas mais baratas, mais velocidade e menor suprimento de moedas.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Leão. Imagem: Shutter Stock

Receita Federal dos EUA já apreendeu R$ 6,21 bilhões em criptomoedas em 2021

Assim como acontece aqui no Brasil, órgãos governamentais realizam leilões de objetos e bens apreendidos de irregularidades fiscais, processos de falência e muitos outros....
Moedas Monero movidas

Após prisão de desenvolvedor da Monero, milhares de moedas são movidas

Após a prisão do desenvolvedor da criptomoeda Monero, Riccardo Spagni (Fluffy Pony), os administradores do Fundo Geral da moeda moveram milhares de XMR para...
Jair Bolsonaro

Bolsonaro diz que 99% das pessoas não sabem o que é o Bitcoin

Jair Bolsonaro (Sem Partido) participou de uma entrevista com a Rádio 96 FM, do Rio Grande do Norte, onde falou que 99% dos brasileiros...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias