Venda de criptomoeda do Barcelona arrecada R$ 6.69 milhões em 2 horas

-

Siga no
Bandeira do Barcelona
Bandeira do Barcelona
Anúncio

Durante a atual pandemia, uma indústria que foi consideravelmente afetada foi a o futebol, principalmente os clubes com os jogos sem torcida. A aposta do Barcelona FC em ter lançado uma criptomoeda para seus fãs parece ter ajudado a amenizar essa situação.

A Chiliz, uma FinTech que oferece tecnologia de criptomoedas e blockchain para a indústria do esporte e entretenimento, foi responsável pelo token de fã $BAR, projeto do Barcelona anunciado ainda esse ano.

Chiliz e Socios.com possuem atuação em diferentes esportes.

Anúncio

O lançamento do ativo para os fãs foi muito mais agitado do que todos esperavam. De acordo com um tuíte de Alexandre Dreyfus, sócio da Socios.com e Chiliz Exchange, a venda nessa última segunda-feira, 22, gerou uma receita de US$ 1.3 milhões (R$ 6.69 milhões) em apenas duas horas de vendas.

Ao todo, 600 mil tokens $BAR foram vendidos por um preço fixo de €2 (R$11,65) em ambas a plataformas Socios.com e Chiliz.Net. De acordo com o tuíte, a criptomoeda do Barcelona teve uma demanda de 5x mais do que o esperado, com compras sendo feitas em mais de 100 países.

A previsão das partes envolvidas é que a venda relâmpago durasse pelo menos 48 horas.

“Esgotado. Na Socio a venda relâmpago da BAR do Barcebola Futebol Clube vendou mais de US$ 1.3 milhões em menos de 2 horas, com US$ 777 mil em apenas 2 minutos na exchange Chiliz. Fãs do clube e entusiastas das criptomoedas compraram em 106 países!!! Foram 5x mais demanda (US$6M ou mais) nas nossas plataformas.” afirmou a publicação no Twitter.

Criptomoeda do Barcelona será vendida a partir desta quarta-feira

Essa recente venda marcava apenas o lançamento oficial da venda das moedas na exchange Chilliz, que vai acontecer a partir desta quarta-feira, 24.

Enquanto essa primeira venda tinha um preço fixo por cada token, a próxima o preço será determinado por oferta e demanda, assim como é em outros pares de negociação. A token também estará disponível apenas no par de negociação com a criptomoeda Chiliz (CHZ).

Criptomoedas para fãs podem ser uma solução para a crise

Apesar do sucesso diferenciado, essa não é a única moeda feita para fã de um time de futebol que a Chiliz e Socio.com administram. Durante esse momento de crise, com estádios vazios e diminuição de receita, uma venda de US$ 1.3 milhões é um ótimo negócio, independente do quando esse dinheiro retorna diretamente para o clube.

Históricas de sucesso como essa podem motivar outros clubes a se prepararem para novas crises apostando nas criptomoedas. Assim como pode permitir que muitos dos fãs de futebol (e vários outros esportes) se tornem investidores dentro do criptomercado.

É uma ótima forma de exposição à tecnologia.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Avatar
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Carvão e tecnologia blockchain

Minas Gerais lança projeto blockchain para controle de carvão

O carvão é considerado um dos principais recursos naturais para obtenção de energia no mundo. Dessa forma, um dos estados que o produz no...

Investidores se confundem e compram criptomoeda errada que valoriza 500.000% com confusão

Recentemente o projeto Uniswap (UNI) tem ganhado muito a atenção dos investidores, principalmente após ter sido listado na Coinbase, a maior corretora de bitcoin...
Hacker segurando criptomoeda Bitcoin

Grupo de hackers atacavam gamers para roubar Bitcoin

Um grupo de hackers baseado na China atacavam vários gamers em um elaborado plano. As autoridades que investigavam o grupo aponta que há anos...

Últimas notícias

Investidores se confundem e compram criptomoeda errada que valoriza 500.000% com confusão

Recentemente o projeto Uniswap (UNI) tem ganhado muito a atenção dos investidores, principalmente após ter sido listado na Coinbase, a maior corretora de bitcoin...

Grupo de hackers atacavam gamers para roubar Bitcoin

Um grupo de hackers baseado na China atacavam vários gamers em um elaborado plano. As autoridades que investigavam o grupo aponta que há anos...

Doações de Bitcoin começam a chegar para combater queimadas no Pantanal

Algumas doações em Bitcoin começam a chegar para apoiar o combate às queimadas no Pantanal. O dinheiro está sendo arrecadado em uma campanha pela...