Criptomoeda Libra do Facebook está pronta para ser lançada

Moeda teve que ser reinventada após pressão global

Siga no
Criptomoeda do Facebook Libra pronta
Criptomoeda Libra

A criptomoeda Libra, que tem como um dos criadores o Facebook, está pronta para seu lançamento. Segundo fontes envolvidas com o projeto, nos próximos dois meses a moeda digital deve ser lançada.

As criptomoedas devem assim ganhar um imenso destaque no mundo todo. Com mais de 2 bilhões de usuários, o Facebook é a maior rede social do mundo.

Além disso, o consórcio que está por trás do desenvolvimento da Libra conta com 27 empresas. Ou seja, o lançamento deverá apresentar as criptomoedas para um número expressivo de pessoas.

Vale o destaque que o projeto ambicioso da Libra teve que se adaptar as turbulências de governos. Contudo, ao que parece, a adaptação foi concluída e a Libra vem aí.

Criptomoeda Libra, apoiada pelo Facebook, pronta para lançamento em janeiro de 2021

O ano de 2021 nem começou e já promete um agito no mar das criptomoedas. Isso porque, segundo algumas pessoas envolvidas com o projeto, a Libra poderia estar chegando bem no mês de janeiro.

De acordo com o Financial Times, três pessoas envolvidas com o projeto confirmaram o lançamento. Com uma base de usuários maior que vários países, a moeda tem tudo para ganhar adoção em massa.

Desde 2019 de fato o projeto vem sendo discutido e era esperado seu lançamento em algum momento. Contudo, países se preocuparam com o projeto, colocando até o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, em audiências públicas.

A intenção inicial do projeto era lançar uma criptomoeda com blockchain própria. Seu valor de mercado, entretanto, seria atrelado a uma série de moedas nacionais, como Dólar, Yen, Euro, entre outras.

Os bancos centrais reagiram imediatamente, e na Europa a Libra recebeu advertências. Na última reunião do G20, por exemplo, os líderes deixaram claro que não querem o lançamento de uma stablecoin antes de uma regulamentação internacional.

Mesmo assim, a Libra continuou seus esforços e já até registrou marca no Brasil. O lançamento então parece ser inevitável.

Moeda teve que ser reinventada após pressão global

Segundo informações do Financial Times, a Libra então chega em janeiro de 2021. Contudo, o lançamento da moeda será acompanhado de novidades no “lastro” da moeda.

Isso porque, após a pressão global contra a Libra, foram retiradas várias moedas da cesta que iriam lastrear a moeda. Dessa forma, a “nova Libra” chega com lastro apenas em Dólar americano.

Seu valor igual ao do dólar limita os problemas com governos europeus. Além disso, garante que o ativo será menos volátil que o inicialmente planejado.

Após pedido de confirmação, a Libra ainda não havia declarado oficialmente o lançamento. De qualquer forma, o mercado começa a especular que a Libra está pronta para alcançar o mercado global.

Com várias redes sociais pertencentes ao Facebook, como WhatsApp, Instagram e Messenger, ainda não está claro onde seria possível utilizar a moeda. Por fim, janeiro de 2021 pode começar com agito no mercado de criptomoedas com o nascimento de um grande rival não apenas ao Bitcoin, mas ao próprio Dólar.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Yuan Digital terá data de validade

Já está claro que muitos países ao redor do mundo visam criar e implementar uma moeda digital controlada pelo banco central. O Brasil já...
ETF ou Fundos de investimento

Qual a diferença entre o novo ETF de Bitcoin (HASH11) e Fundos de investimentos?

Com o lançamento do primeiro ETF de Bitcoin e criptomoedas do Brasil e segundo do mundo, o HASH11, muitos investidores se perguntam qual a...

Ex-diretor da CIA desmente vínculo do Bitcoin com crimes

A preocupação da relação do Bitcoin com o uso em atividades criminosas, desde o financiamento de ataques terroristas até a lavagem de dinheiro, é...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias