Uso de criptomoedas na Índia pode se tornar crime inafiançável

Com isso, o que podemos esperar para o futuro, não apenas da Índia, é uma total vigilância do governo, cada vez mais intrusiva e desnecessária, onde governos continuarão com seus monopólios monetários e desvalorizando as suas moedas.

A Índia, segundo país mais populoso do mundo, está buscando formas de banir as criptomoedas como o Bitcoin para proteger sua futura CBDC — Moeda Digital de Banco Central —, o problema é que podem estar indo longe demais.

Segundo informado pela Reuters, o resumo do projeto de lei aponta que o país está querendo proibir todas atividades relacionadas às criptomoedas e quem desrespeitar a lei poderá ser preso, sem direito a fiança.

Contudo, o Banco Central da Índia (RBI) usará a tecnologia blockchain, porém privada, para emitir a sua moeda. Basicamente usufruindo de parte da criação de Satoshi Nakamoto, o sistema de pagamento, e jogando na cadeia quem utilizar a outra parte dela, a moeda.

Mão de ferro

A proposta de lei da Índia sobre o banimento das criptomoedas mostra que o governo indiano está desesperado para tentar salvar a sua moeda estatal que em breve terá uma versão digital através de uma CBDC.

Caso aprovada, esta lei impactará na vida de mais de 1 bilhão de pessoas. Somado à China, país mais populoso do mundo que também baniu as criptomoedas, isso significa que cerca de 30% da população mundial estará vivendo em uma ditadura monetária.

“Proibição geral de todas as atividades de qualquer indivíduo para minerar, gerar, manter, vender (ou) negociar [moedas digitais como] meio de troca, reserva de valor e uma unidade de conta”

A citação acima foi apresentada pela Reuters que teve acesso a um resumo desta proposta de lei. E ela fica pior, afinal, o governo poderá realizar prisões sem mandado, bem como tornar este crime inafiançável.

Embora cidadãos de todos países já sejam obrigados a aceitar uma moeda nacional pela venda de bens e serviços, a Índia parece ter ultrapassado os limites do bom senso ao propor esta lei que fere o direito de escolha do indivíduo.

CBDC da Índia

Banindo as criptomoedas e introduzindo a sua própria CBDC, a Rúpia Digital, em breve o governo terá total controle sobre a vida financeira de cada cidadão indiano, podendo não apenas congelar saldos como também criar sistemas como score de créditos.

Com isso, o que podemos esperar para o futuro, não apenas da Índia, é uma total vigilância do governo, cada vez mais intrusiva e desnecessária, onde governos continuarão com seus monopólios monetários e desvalorizando as suas moedas.

Para quem não deseja viver neste provável mundo não tão distante, é necessário brigar pelo direito de usar o Bitcoin, uma moeda apolítica, com emissão controlada e sem fronteiras e censura.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias