Crise na Gemini se acalma com DCG criando plano de pagamentos

Corretora dos irmãos bilionários do Facebook diz que plano da DCG contou com aprovação em Tribunal de Falência.

A crise na corretora de criptomoedas Gemini pode estar em uma situação mais clara, após a Digital Currency Group (DCG) apresentar um plano de restituição de valores em um Tribunal de Falências.

Tal informação acabou sendo confirmada pelo gêmeo Cameron Winklevoss, na última segunda-feira (6). A corretora Gemini é cofundada por ele e Tyler Winklevoss, que ficaram famosos por ganharem milhões ao processarem o Facebook no passado.

Já a DCG é uma grande empresa do mercado de criptomoedas, dona da operação da Genesis, e outras marcas como Coindesk. Como não passa por um bom momento, o mercado temia que sua falência poderia arrasar o mercado em 2023. Ao que tudo indica, o novo plano de resgate deve acalmar os investidores.

Com plano da DCG, crise na Gemini vê luz no fim do túnel

De acordo com Cameron, o novo plano apresentado em um Tribunal de Falência é um passo importante para o mercado. Isso porque, os credores da plataforma Genesis começam a ter esperanças na recuperação dos seus ativos.

“Hoje, Gemini chegou a um acordo de princípio com a Genesis Global Capital, LLC (Genesis), DCG e outros credores em um plano que fornece um caminho para os usuários do Earn recuperarem seus ativos. Este acordo foi anunciado no Tribunal de Falências hoje.”

Para acelerar a resolução do problema, a Gemini se comprometeu a dar 100 milhões de dólares para ajudar os credores da DCG a sair da crise. A empresa era considerada até então uma plataforma gigante do mercado, mas ao pedir falência em janeiro de 2023, mostrou os riscos das plataformas.

Quem tinha dinheiro no produto Earn, por exemplo, foram os usuários afetados pelo travamento de saques.

“Temos muito trabalho pela frente”, diz executivo

Apesar do alívio momentâneo para investidores da DCG, o executivo da Gemini lembrou que a crise da empresa está longe de um fim. De acordo com Cameron Winklevoss, ainda há muito trabalho pela frente, para que a situação chegue a um fim positivo a todas as partes afetadas.

“Ainda há muito trabalho a ser feito para concluir este processo, incluindo mais due diligence das finanças da Genesis e aprovação judicial deste plano, mas estamos confiantes de que agora temos uma estrutura para executar.”

Segundo ele, desde o dia 16 de novembro de 2022, quando o colapso na DCG se tornou conhecida, todos os envolvidos tem trabalhado para superar os problemas.

Para manter os clientes cientes de tudo que acontece, a Gemini criou uma página com informações sobre seu produto Earn, hoje sem liberar saques aos investidores.

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias