CVM irá mexer nas regras de ICO no Brasil

Mudanças a frente!

Siga no
Anúncio

A Comissão de Valores Mobiliários, conhecida como CVM, é o órgão no governo brasileiro responsável por fiscalizar e aprovar os assuntos relacionados a investimentos de mercado de capitais e de acordo com notícias recentes poderá alterar as regras de ICO em breve.

De acordo com Diego Perez, em evento do Blockmaster Meeting na cidade de São Paulo no último dia 23, a CVM deve aumentar o limite para captação de recursos públicos em até 10 vezes para empresas.

O profissional que é advogado, faz parte de uma associação cripto no Brasil e que teve uma reunião recente sobre o caso, contou aos presentes que “Estive esses dias na CVM e ouvi que o limite será aumentando em breve. Isso certamente vai aumentar o número de ofertas e afetar positivamente a realização de ICOs e STOs no Brasil“.

Anúncio

No Brasil, o primeiro STO já foi lançado recentemente conforme noticiado pelo Livecoins no início de dezembro de 2018, e a novidade abre as portas de uma forma positiva para a indústria cripto nacional e para empresas que querem ser listadas em bolsa de valores.

Diego teria dito ainda durante o evento que “A distância entre o teto para captação pública sem registro na CVM e o piso para a entrada na Bovespa, que hoje é de R$ 500 milhões, tende a diminuir no próximo ano“. As informações foram publicadas no portal Cointelegraph Brasil.

Isso aquece a indústria de investimentos nacional e possibilita uma série de empresas a buscar o crescimento e reconhecimento necessário para a regulamentação de acordo com as normas que ainda serão implementadas, e pode ser um marco positivo para o cenário cripto brasileiro.

É claro que os ICOs, após o ano de 2017 em alta, caíram bastante em 2018 no conceito do mundo devido a inúmeros casos negativos, mas que podem crescer novamente no ano de 2019 na forma de STO conforma aponta uma previsão feita recentemente. Os STOs também podem ser positivamente afetados pela nova medida.

As empresas ligadas ao cenário cripto no Brasil esperam por uma flexibilização adequada e que permita o crescimento do setor. Seria esse um indício de melhoras a frente?

Saiba tudo sobre:
Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Criptomoeda stablecoin Tether USDT XAUT EURT CNHT

Criptomoeda cresce 300% em 2020 e supera Bitcoin

Segundo um estudo recente, uma criptomoeda que cresce 300% o número de adoção a sua tecnologia já supera o Bitcoin e Ethereum. Este caso...

“Falta de clareza sobre quem criou o Bitcoin é preocupante” Diz CEO da Mastercard

Um dos principais pontos que os defensores do Bitcoin argumentam é que a moeda pode ser utilizada como uma forma de incentivar a inclusão...
Segurança e Vulnerabilidades Blockchain

Pesquisa da Kaspersky coloca blockchain como ameaça

Uma pesquisa recente feita pela Kaspersky coloca a tecnologia blockchain como uma ameaça aos negócios. A empresa russa que é uma das líderes em...

Últimas notícias

“Falta de clareza sobre quem criou o Bitcoin é preocupante” Diz CEO da Mastercard

Um dos principais pontos que os defensores do Bitcoin argumentam é que a moeda pode ser utilizada como uma forma de incentivar a inclusão...

Pesquisa da Kaspersky coloca blockchain como ameaça

Uma pesquisa recente feita pela Kaspersky coloca a tecnologia blockchain como uma ameaça aos negócios. A empresa russa que é uma das líderes em...

Paulista pede registro da marca Bitcoin para fabricar brinquedos

Um paulista pediu junto ao INPI o registro da marca Bitcoin para a fabricação de brinquedos no Brasil. A publicação do pedido foi feito...