Desenvolvedor rouba R$ 1,5 milhão de investidores e gasta tudo com apostas

Em documento publicado nesta terça-feira (14),o desenvolvedor revelou ser viciado em apostas.

Em nota compartilhada na última segunda-feira (13), um desenvolvedor da Cypher Protocol acusou seu colega de ter roubado R$ 1,5 milhão em criptomoedas do cofre do projeto. O acusado, conhecido apenas pelo nome de ‘Hoak’, admitiu ter subtraído a quantia para gastá-la em jogos de azar.

A história começou ainda em janeiro deste ano quando um usuário reclamou que não estava conseguindo realizar saques na plataforma, que funciona como uma corretora na rede Solana. Em março, ele voltou a reclamar da situação e, na sequência, outros usuários fizeram o mesmo.

Percebendo que algo estava errado, outro desenvolvedor iniciou uma investigação e descobriu que os fundos haviam sido roubados por Hoak, responsável pelo suporte aos pedidos acima.

Desenvolvedor diz que perdeu dinheiro roubado em apostas

O projeto em questão já havia sofrido um hack e estava fragilizado. Hoak, acusado de roubar os fundos, permaneceu ativo no desenvolvimento após o ocorrido, mas não estava lá para ajudar na reconstrução.

“Hoak, contribuidor do Cypher, roubou fundos do contrato de resgate do Cypher. Isso ocorreu ao longo de meses, com 36 saques”, escreveu Cobra, outro desenvolvedor. “Isso é incrivelmente triste para mim.”

“Já entrei em contato com as autoridades policiais com as informações no documento abaixo.”

No documento, o desenvolvedor faz uma análise on-chain detalhada e cita várias criptomoedas que foram roubadas, incluindo 0,35 ETH, 7.500 USDC e cerca de 700 SOL. No total, a soma chega a R$ 1,5 milhão em conversão direta.

Fundos roubados do Cypher Protocol por um de seus desenvolvedores. Fonte: Reprodução.
Fundos roubados do Cypher Protocol por um de seus desenvolvedores. Fonte: Reprodução.

Embora Hoak use um pseudônimo, Cobra afirmou que o conhece na vida real. Portanto, é bastante provável que seu nome verdadeiro tenha sido entregue às autoridades. Ao que tudo indica, o desenvolvedor é de Portugal, ou está vivendo por lá.

Em resposta às acusações, o Hoak admitiu ter roubado o projeto. Em documento publicado nesta terça-feira (14), Hoak revelou ser viciado em apostas.

“Antes de mais nada, gostaria de pedir profundas desculpas a todas as partes afetadas”, iniciou Hoak. “Isso é o resultado de uma série de eventos que se tornaram uma dependência de jogo devastadora, provavelmente acompanhada por vários outros fatores psicológicos que passaram despercebidos por tempo demais.”

“Para abordar o elefante na sala, as acusações são verdadeiras, eu peguei os fundos e os perdi em jogos de azar. Eu não fugi com o dinheiro, nem outra pessoa.”

Nos comentários de sua publicação no Twitter, algumas pessoas mostraram apoio a Hoak, esperando que o desenvolvedor melhore. Já no Discord do projeto, nem todos tiveram tanta paciência assim e desejaram um bom tempo na cadeia a ele.

“Obrigado, nos avise quando ele estiver na cadeia, absolutamente nenhum remorso por pessoas que acham aceitável apostar com o dinheiro alheio”, escreveu um usuário sobre o caso.

Comentando a situação, Hoak fez questão de dizer que não teve nenhum envolvimento no hack do projeto, que aconteceu dele roubar os fundos restantes. Finalizando, notou que se entregará a Polícia de Portugal para cooperar com as autoridades assim que o processo aberto for aberto nos EUA.

“É hora de encarar a realidade e recomeçar minha vida.”

Hoak, desenvolvedor que roubou fundos do Cypher Protocol, diz que procurará uma clínica para tratar seu vício em apostas e que se entregará as autoridades quando necessário. Fonte: Discord/Reprodução.
Hoak, desenvolvedor que roubou fundos do Cypher Protocol, diz que procurará uma clínica para tratar seu vício em apostas e que se entregará as autoridades quando necessário. Fonte: Discord/Reprodução.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de criptomoedas do mercado ganhe até 100 USDT em cashback. Cadastre-se

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Últimas notícias