Diretor do maior banco da Alemanha diz que criptomoedas estão aqui para ficar

Mesmo assim ele alerta que as criptomoedas não são uma tecnologia definitiva e que o Bitcoin pode ser substituído em algum momento.

Siga no
Deutsche Bank Bitcoin
Deutsche Bank Bitcoin

Com os olhos dos investidores voltados para a mais recente valorização das criptomoedas – seguida por um momento de estabilidade – alguns continuam não acreditando no potencial definitivo dos ativos digitais. No entanto, um dos diretores do Deutsche Bank, o maior banco da Alemanha, afirmou recentemente que “as criptomoedas estão aqui para ficar”, mas que novas tecnologias podem superar o Bitcoin no futuro.

O diretor de investimentos do Deutsche Bank, Christian Nolting, disse em um relatório que acredita que as criptomoedas estão aqui para ficar, com o Bitcoin sendo um ativo que com certeza está aqui para um “plano de longa data”.

“As criptomoedas (de alguma forma) estão aqui para ficar. No entanto, elas devem ser tratadas com cuidado.”

Mas mesmo assim ele alerta que as criptomoedas não são uma tecnologia definitiva e incapazes de ser substituídas em algum momento.

“Não vejo nenhum motivo para acreditar que tecnologia mais nova não vai simplesmente substituir o Bitcoin no futuro.”

Moedas Digitais de Bancos Centrais podem ser competição para o criptomercado

Enquanto a visão de Nolting é relativamente positiva, até mesmo acreditando que o Bitcoin tem força para se manter no mercado, ele propõe a possibilidade de que as Moedas Digitais de Banco Central (CBDCs) criarão uma competição pesada contra as criptomoedas, até mesmo diminuindo as vantagens que tanto apoiamos dessa tecnologia atualmente.

“A introdução geral das CBDCs acompanhado por uma regulamentação maior das criptomoedas pode criar um ecossistema mais competitivo para os ativos digitais e algumas de suas vantagens em relação ao mercado tradicional podem esvaecer no longo prazo.”

As CBDCs vem sendo um ponto de discussão muito importante no setor financeiro. O maior exemplo atualmente é o Yuan Digital, moeda digital da China, que até mesmo ameaça a soberania do dólar. 

Cada vez mais outros governos estão pensando no desenvolvimento desse tipo de ativo ou estudando a viabilidade de um sistema com esse tipo, até mesmo a Inglaterra parece estar entrando na corrida para tentar desenvolver uma moeda digital própria. 

A questão levantada por Nolting é realmente interessante para quem está acompanhando os desenvolvimentos financeiros no mundo todo.

As CBDCs realmente podem ser uma concorrente para o criptomercado? Ou será que elas vão herdar todas as características negativas do sistema tradicional? Afinal, elas são desenvolvidas e serão administradas pelos mesmos Bancos Centrais que já provaram falhar na administração do dinheiro.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Primeiro ETF de Bitcoin na NYSE

Primeiro ETF de Bitcoin na NYSE inaugura com grande volume

O primeiro ETF de Bitcoin foi listado na NYSE nesta terça-feira (19), fazendo história como um dos 15 maiores já listados na bolsa norte-americana...
Símbolo da Binance em caldeirão pressão autoridades policias

Binance bloqueia conta de 20 clientes a pedido da polícia

A corretora Binance bloqueou pelo menos 20 clientes de acessar suas contas, a pedido da polícia para uma investigação internacional. O caso aconteceu na Colômbia...
Monte de Bitcoin observado por um touro ao fundo alta do preço cotação

Bitcoin dobrou de valor desde banimento na China

As preocupações econômicas do Bitcoin devido aos banimentos do Bitcoin na China, bem como a sua crise imobiliária, acabaram ficando para trás conforme o...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias