Dinheiro comum é mais usado para lavagem de dinheiro que o Bitcoin

800 vezes mais usado!

Siga no

Um relatório sobre Drogas e Crimes elaborado pelo Escritório das Nações Unidas em parceria com a Chainalysis revela que a moeda fiduciária é utilizada 800 vezes mais para lavar dinheiro na darknet que o Bitcoin. A pesquisa força os críticos das criptomoedas a pensarem em outra mentira para denegrirem a imagem da moeda digital.

O Bitcoin é limpo, puro e livre de todas as ameaças financeiras, isso está evidenciado na recente pesquisa publicada pela Messari. A pesquisa foi inspirada nas recentes declarações de Steven Mnuchin, secretário do Tesouro dos EUA.

Os resultados da pesquisa descobriram que, em vez do Bitcoin, a moeda tradicional, conhecida como fiduciária é utilizada 800 vezes mais para lavar dinheiro na darknet.

Uso de dinheiro comum vs Bitcoin para lavar dinheiro na DARKNET. Fonte: Messari
Uso de dinheiro comum vs Bitcoin para lavar dinheiro na DARKNET. Fonte: Messari

Quem está dizendo a verdade sobre o Bitcoin?

Relatórios da ONU contradizem fortemente as criticas de Steven Mnuchin, que exagera ao referenciar as criptomoedas como uma “questão de segurança nacional”:

“Criptomoedas como o Bitcoin foram criadas para apoiar bilhões de dólares em atividades ilícitas como cibercrime, evasão fiscal, extorsão, ransomwares, drogas e tráfico de seres humanos. Muitos usam criptomoedas para financiar comportamentos mal intencionados. Esta é realmente uma questão de segurança nacional”.

As descobertas da pesquisa da Messari confirmam o que a Europol já havia revelado em um notório relatório “Por que o dinheiro ainda é o rei do crime?“, Onde eles explicam que idealmente, todos os criminosos utilizam dinheiro fiduciário em suas atividades e que o Bitcoin e criptomoedas, geralmente, ainda não são uma opção preferível pelos criminosos:

“Embora nem todo o uso de dinheiro seja criminoso, todos os criminosos usam dinheiro em algum estágio do processo de lavagem de dinheiro.

Enquanto o mundo olha com preocupação para o possível uso indevido de moedas digitais por criminosos, este relatório pode parecer um tanto incomum, pois não está destacando um novo fenômeno ou um risco emergente … esquemas de lavagem de dinheiro detectados pela lei ainda são amplamente técnicas, em particular, o uso de dinheiro ”.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org Sugestão de pauta: mateus@livecoins.com.br
Mão segurando picolé laranja, cor do Bitcoin

Homem compra picolé com Bitcoin em El Salvador em menos de 15 segundos

Um homem gravou um vídeo em El Salvador comprando um simples picolé com Bitcoin, a compra não demorou 15 segundos para ser completada. A...
Roberto Campos Neto, presidente do BCB no Brasil

Presidente do Banco Central do Brasil pede cautela com Bitcoin

O presidente do Banco Central do Brasil (BCB) pediu que as pessoas tenham cautela com o Bitcoin. Reunindo especialistas do setor financeiro brasileiro para...
Imagem: ShutterStock

Fundadores de corretora de Bitcoin desaparecem com R$ 17 bilhões de clientes

Dois irmãos na África do Sul podem ser responsáveis pelo maior golpe Ponzi envolvendo o Bitcoin já aplicado no país. O nome da empresa...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias