Diretor da Unick Forex continua foragido, diz Polícia Federal

A empresa está sendo investigada pela Polícia Federal com apoio da Receita Federal.

-

Siga no
Operação Lamanai
Anúncio

Um dos diretores da Unick Forex, organização criminosa estruturada no formato de “pirâmide financeira”, continua foragido. A informação foi repassada pela Polícia Federal à reportagem do Livecoins na tarde de quarta-feira (23).

Fernando Marques Lusvarghi, diretor jurídico da empresa, foi o único que conseguiu escapar na última quinta-feira (17), dia em que a PF deflagrou a operação Lamanai, que cumpriu 65 mandados de busca e apreensão e dez de prisão temporária em oito cidades.

Dos nove presos na operação, oito estão na Penitenciária Estadual de Canoas e um na sede da Polícia Federal. No início desta semana, a pedido da PF, a Justiça Federal prorrogou a prisão temporária de todos. Eles ficarão detidos até sábado (26).

Anúncio

A prorrogação foi solicitada, de acordo com a PF, com o objetivo de se obter mais tempo para os depoimentos. Na quarta-feira, por exemplo, foram realizadas três oitivas com as testemunhas. Parte da documentação apreendida também foi analisada pelos agentes.

Entenda o caso

A Unick Forex, com sede em São Leopoldo (RS), atua no mercado de Forex (Foreign Exchange) sem autorização da CVM (Comissão de Valores Mobiliários). A autarquia já emitiu três alertas de irregularidades sobre a Unick desde agosto deste ano.

A empresa está sendo investigada pela Polícia Federal com apoio da Receita Federal. O inquérito, instaurado em janeiro deste ano, apurou que a Unick estava estruturada em formato “pirâmide financeira”. Os novos membros, portanto, subsidiavam a remuneração dos antigos.

Segundo a PF, os clientes eram atraídos por promessas de retorno de 100% sobre o valor investido em um prazo de seis meses. Estima-se que a empresa tenha movimentado cerca de R$ 9 bilhões.

Ao longo da investigação, ainda de acordo com a PF, foram constatadas outras práticas criminosas, a exemplo de aquisição de moedas virtuais para remeter ao exterior, em supostos atos de evasão de divisas, e lavagem de dinheiro.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Lucas Marins
Lucas Marins
Jornalista desde 2010. Escreve para Livecoins e UOL. Já foi repórter da Gazeta do Povo e da Agência Estadual de Notícias (AEN).
Corretora de Bitcoin Foxbit

Foxbit perde ação contra Caixa Econômica Federal

Mais uma corretora de Bitcoin no Brasil entrou na justiça contra uma instituição bancária e teve problemas. Isso porque, a Foxbit perdeu uma ação...
Mundo Conectado via Blockchain do Bitcoin

Executivo da JBS exalta blockchain para controle de gados

Uma das maiores produtoras de carnes do mundo, a JBS tem sido alvo de desconfianças nos últimos tempos. Na reação as críticas, o executivo...

Coluna do TradingView: Estudos da Semana – ETH, SNX, IOT e AMB

Em semana vermelha para criptomoedas, confira os estudos dos analistas do TradingView. CoinGape Os tokens de smart contracts estiveram numa onda descendente após a rejeição sofrida...

Últimas notícias

Executivo da JBS exalta blockchain para controle de gados

Uma das maiores produtoras de carnes do mundo, a JBS tem sido alvo de desconfianças nos últimos tempos. Na reação as críticas, o executivo...

Coluna do TradingView: Estudos da Semana – ETH, SNX, IOT e AMB

Em semana vermelha para criptomoedas, confira os estudos dos analistas do TradingView. CoinGape Os tokens de smart contracts estiveram numa onda descendente após a rejeição sofrida...

CVM terá eventos sobre criptomoedas em outubro

A Comissão de Valores Mobiliários do Brasil participa, no início de outubro próximo, da semana mundial do investidor. Entre os temas, a CVM terá...