Eletrobras abre edital para contratar empresa especializada em blockchain

Em meio a polêmica de privatização, estatal investirá em inovação.

Companhia estatal brasileira Eletrobras
Companhia estatal brasileira Eletrobras

A Eletrobras, que passa por um processo de privatização, abriu um edital para contratar uma empresa que preste serviços com blockchain.

A Centrais Elétricas Brasileiras S.A. (ELETROBRAS) é a maior empresa de energia da América Latina, atualmente detida pelo estado brasileiro. Com 60 anos de história, a empresa já levou energia a milhões de famílias pelo país.

A inovação não pode parar para a empresa com sede no Rio de Janeiro e tem mais de 25 mil funcionários, com o próximo passo sendo a utilização da técnologia blockchain.

Eletrobras abre edital para contratar empresa blockchain

Desde que a tecnologia blockchain foi reconhecida pelo Governo Brasileiro, em sua estratégia de Governo Digital, ela ganhou ainda mais tração de adoção pelas empresas estatais do país.

E a próxima a aderir ao sistema é a Eletrobras, que abriu nesta sexta um pregão vinculado ao Ministério de Minas e Energia, pedindo a contratação de uma empresa blockchain.

A Centrais Elétricas Brasileiras S.A. – ELETROBRAS torna público que, nos termos da Lei nº 13.303/2016, e do Regulamento de Licitações e Contratos, doravante denominado “Regulamento”, da Lei nº 10.520/2002 e do Decreto n. 10.024/2019, fará realizar licitação, na modalidade Pregão Eletrônico, por menor preço, sob o regime de empreitada por preço global, modo de disputa ABERTO, para contratação de empresa especializada para o fornecimento de solução de orquestração e de desenvolvimento de sistemas em rede compartilhada permissionada com bases de dados de registros distribuídos (Blockchain), conforme condições estabelecidas no Edital, bem como, no “Código de Ética e de Conduta” e em seu “Programa de Compliance”.”

O foco da empresa a ser contratada será no Selo Procel de Economia de Energia, criado em 1993, simplificando o processo de concessão, trazendo controle, transparência e auditabilidade, ao mesmo tempo que aumentem a segurança e garantam sua autenticidade, conforme consta no edital completo.

Podem participar empresas brasileiras sem restrição e que enviem um preço abaixo dos concorrentes. A submissão de propostas deverá ser enviada até 23 de março, às 10 da manhã, quando inicia a abertura da sessão pública.

Privatização polêmica

Nos últimos dias, houve uma assembleia para discutir a privatização da companhia, que poderia ser vendida para alguma empresa interessada. Segundo a Veja, esse processo acabou indo parar no STF, após o Partido dos Trabalhadores ingressar com recurso.

Ou seja, não está claro quando e se a Eletrobras será privatizada, mas isso certamente não deve parar o desenvolvimento de inovações pela empresa, como a solução blockchain atualmente em estudo.

Vale lembrar que nesta sexta a estatal também publicou um Edital de Concurso, para várias vagas do setor nuclear de energia da Eletrobras, com salários de até R$ 7.300,00.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias