Estudo aponta melhor placa de mineração para Ethereum

Placa gráfica da AMD foi a escolhida!

Siga no

Certamente em 2019 o tema da mineração de criptomoedas está em baixa, mas um estudo colocou lenha na fogueira. De acordo com a AMD, uma grande empresa de tecnologia mundial, a Radeon VII é a melhor placa de mineração para Ethereum (ETH).

A empresa apontou que sua placa gráfica (GPU) consegue 90 megahashes por segundo, superando a concorrência. Isso porque a placa Nvidia Titan V consegue apenas 70 MH/s.

AMD acredita ter melhor placa de mineração para Ethereum

A mineração da criptomoeda Ethereum ainda utiliza o consenso de Proof of Work (PoW). Isso indica que é necessário equipamento especial para garantir a validação de blocos nessa rede. Além disso, a mineração da rede Ethereum conta com vários mineradores, fazendo com que seja uma das mais seguras dentre as blockchains públicas atuais.

Com o levantamento da AMD, que afirma ter a melhor GPU, os mineradores poderiam obter mais recompensas pela atividade. Outro ponto considerado pelo estudo da empresa é que o custo do equipamento também é menor que da concorrência.

Um estudo no fórum BitcoinTalk mostrou dados da placa da Radeon VII, que confirma o bom desempenho da placa. Além disso, os custos com energia se mostram menores, o que chama atenção para esta placa em relação às demais.

Ethereum pode mudar algoritmo de consenso de mineração

Certamente se você acredita que vale o investimento na placa AMD Radeon VII, fatores devem ser considerados. Não é de hoje que a comunidade Ethereum mundial está debatendo sobre uma possível mudança no algoritmo de mineração.

Isso afetaria o desempenho das placas gráficas de mineração, sendo dois caminhos a serem considerados. Ambas as soluções vêm na linha de acabar com as placas Asics na realidade da Ethereum.

O primeiro caminho que é ventilado pela comunidade é a implementação do algoritmo ProgPow. De acordo com debates, em uma realidade dessa as placas da Nvidia poderiam voltar a ter melhor desempenho.

Entretanto, ainda há debates na linha de colocar a Ethereum com a mineração Proof of Stake. Caso isso se concretize, as placas gráficas perdem sua função na segurança da rede.

Finalmente, a mineração de criptomoedas é uma atividade importante para segurança das redes. Porém, quem se interessa pelo tema deve realizar um grande estudo sobre o tema antes de investir em equipamentos. Entrar em comunidades dedicadas ao tema pode ser fundamental para garantir o sucesso com a atividade.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Twitter coloca bandeira da Etiópia na hashtag #ETH, Jack Dorsey está tirando sarro do...

Jack Dorsey, o CEO do Twitter é um grande apoiador do Bitcoin, mas ele não parece apoiar tanto assim outras conhecidas altcoins, como o...
Bandeira do Brasil, martelo da justiça e Bitcoin pede

Ex-funcionário pede que justiça procure bitcoins de empresa onde trabalhou

A sexta Câmara do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-15), em Campinas, julgou um caso nos últimos dias em que um ex-funcionário pede que bitcoins...
Rapper lança música com Bitcoin escondida em clipe

Rapper lança clipe com R$ 125 mil em Bitcoin escondidos

Um rapper lançou nesta sexta-feira (23) um clipe musical com 0,75 bitcoins escondidos (cerca de R$ 125 mil). As moedas podem ser resgatadas por...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias