Apenas 16% dos investidores em criptomoedas entendem do assunto, diz pesquisa

Muitos compram criptomoedas sem realmente entender os fundamentais por trás dos ativos.

Siga no

Para investir de forma segura em qualquer mercado ou ativo é imprescindível que você tenha conhecimento sobre o que está fazendo. No entanto, uma recente pesquisa indicou que, entre os investidores em Bitcoin, há uma grande escassez de conhecimento sobre as moedas digitais.

Uma pesquisa feita pela Cardify revela que apenas uma pequena parcela dos investidores do mercado de criptomoedas tem entendimento dos ativos em que eles escolheram investir. Não apenas isso, mas também há aqueles que investem no setor sem ter nenhum conhecimento do mercado como um todo.

“O resultado dos estudos mostrou que apenas 16.9% dos investidores que compraram critptomoedas ‘entendiam completamente’ o valor e potência dos ativos digitais”, disse o artigo, “33.5% dos compradores não tem nenhum conhecimento ou então sabem muito pouco sobre o setor.”, concluiu.

Conhecimento em cripto
Conhecimento em cripto

Investidores compram Bitcoin sem entender para que ele serve

Dos investidores perguntados, mais de 30% pesquisaram sobre o ativo digital por menos de um mês antes de decidir comprar. Ao todo, a pesquisa da Cardify determinou que 58.2% dos investidores possuem alguma experiência, tendo investimento por mais de um ano, enquanto 41.8% dos entrevistados disseram estar no mercado há menos de um ano e possuir pouca experiência.

Como toda pesquisa, claro, os dados da Cardify podem ser usados para extrapolar o real nível de conhecimento dos investidores no mercado. É fácil de entender o motivo de uma grande parte da comunidade de criptomoedas não ter muito conhecimento sobre os ativos, já que o número de investidores cresce consideravelmente a cada ciclo de alta do Bitcoin.

Muitos acabam comprando Bitcoin ou outra moeda em alta (como Dogecoin) sem realmente entender os fundamentais por trás de cada um desses projetos. Esse fato é uma faca de dois gumes, já que, de um lado, quer dizer que o investimento nas criptomoedas é tão democrático que pode até beneficiar quem não é estudioso sobre o assunto.

Por outro lado, isso representa um grande risco de perder dinheiro ao não ter conhecimento o suficiente sobre seus investimentos.

Outra descoberta interessante da Cardify é que cerca de 25% dos investidores afirmaram ser “holders de curto prazo”, ou seja, buscam uma possibilidade de lucro rápido dentro das opções dos criptoativos.

Cerca de 42% dos investidores novatos disseram que a possibilidade de investimento de longo prazo foi um dos principais motivadores a comprar Bitcoin e outras criptomoedas. O investimento de longo prazo também foi o que atraiu 40% dos investidores experientes.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
Homem segurando criptomoedas em mão

Secretários de Macaé são acusados de enriquecimento ilícito e investimentos “elevados” em criptomoedas

Alguns secretários municipais de Macaé foram acusados em redes sociais de obter enriquecimento ilícito e negociar criptomoedas, obtendo para si vantagens indevidas. A negociação de...
Homem jogando dinheiro para cima bilionários do Bitcoin

Usuário compra bitcoin por 11 mil dólares durante flash crash da Binance

Durante uma queda repentina nos preços de várias moedas na Binance americana, onde o Bitcoin chegou a ser negociado por 8.200 dólares por menos...

Bitcoin atingiu novo recorde histórico, o que mudou na rede?

OÉ importante manter a conjuntura Macro clara, e para isso, os indicadores cíclicos continuam atualizar a cada dia que passa junto com o preço...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias