Extorsão envolve bitcoin e faz idoso perder mais de R$ 500 mil para criminoso

Aposentado foi convencido a investir na criptomoeda, mas criminoso exigiu mais dinheiro para não revelar segredo a família.

Um idoso perdeu mais de R$ 400 mil em um golpe envolvendo bitcoin. Com a promessa de investimentos na criptomoeda, Antônio foi induzido a depositar R$ 100 mil para um homem. Porém, de acordo com a justiça, após a aplicação inicial, o homem passou a extorquir o idoso, obrigando a vítima a fazer um depósito de mais de R$ 300 mil.

O caso envolve ainda uma relação extraconjugal. Antônio chegou até Eliel após ter problemas com uma suposta amante. A mulher teria gasto R$ 10 mil em compras em seu  cartão de crédito. Em busca de reaver a quantia gasta pela mulher, Antônio procurou a ajuda de Eliel, indicado por um amigo que trabalhava no mesmo recinto que a vítima.

Idoso tentou reaver R$ 10 mil e perdeu mais R$ 490 mil

Segundo o processo judicial, tudo começou com o uso indevido do cartão de Antônio por sua amante, Cintia. A mulher gastou R$ 10 mil em compras após aplicar um sonífero na vítima. Em busca de ajuda, Antônio conheceu Eliel, que inicialmente ofereceu investimentos em bitcoins para o idoso.

Eliel foi indicado por um amigo de Antônio do CEFET. Eliel foi apresentado como um “especialista em informática”. Por outro lado, o processo judicial aponta que o especialista possui uma enorme ficha criminal.

“Trata-se de um criminoso que possui extensa ficha criminal, com passagens de crimes como latrocínio e homicídios, tendo inclusive um mandado de prisão em aberto”.

Eliel convenceu Antônio de aplicar R$ 100 mil na criptomoeda. A quantia foi entregue pelo idoso ao homem, que supostamente não investiu em bitcoins. Após conseguir R$ 100 mil da vítima, Eliel planejou outras formas de roubar Antônio. 

Eliel criou uma história envolvendo a mulher e uma dívida com traficantes. Nesse caso, o estelionatário conseguiu mais R$ 90 mil da vítima. Antônio pagou pelo suposto resgate da amante, mesmo após a mulher gastar R$ 10 mil no cartão de crédito indevidamente.

Homem sofreu ameaças e depositou R$ 300 mil pelo silêncio de Eliel

Após criar uma situação de sequestro, Eliel foi além, e começou a chantagear Antônio. Sabendo do caso extraconjugal do idoso, o criminoso ameaçou contar tudo para a família da vítima. Com medo do desdobramento da história, Antônio então cedeu a Eliel e fez um depósito de R$ 300 mil para o criminoso.

Após ser denunciado pelas autoridades, Eliel foi preso em Minas Gerais. Contudo, um habeas corpus quase colocou em liberdade o homem acusado de extorsão. Mas o Supremo Tribunal de Justiça impediu que o acusado deixasse a prisão. Dessa forma, Eliel continuará detido após a sua prisão preventiva ser revogada. Eliel foi preso no dia 16 de maio de 2019 e desde então continua encarcerado.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Paulo Carvalho
Jornalista em trânsito, escritor por acidente e apaixonado por criptomoedas. Entusiasta do mercado, ouviu falar em Bitcoin em 2013, mas era que nem caviar, "nunca vi, nem comi, só ouço falar".

Últimas notícias