Nova ameaça ao Ethereum? Fantom ultrapassa Solana, BSC e Avalanche

A Fantom agora passou a ser uma das grandes concorrentes do Ethereum, a rede FTM já está começando a "ameaçar" a grande campeã do setor DeFi. Uma importante marca para o projeto é que sua blockchain ultrapassou o Ethereum em termos de transações diárias.

Com o setor DeFi ainda sendo um ponto importante para o mercado de criptomoedas e diferentes ecossistemas, uma rede está se destacando em relação a suas principais concorrentes: A Fantom (FTM), que recentemente ultrapassado a Avalanche e a Solana, passando a ser uma das principais concorrentes do Ethereum.

A rede Fantom (FTM) teve um aumento considerável em seu Valor Total Bloqueado (TVL, na sigla em inglês), fazendo com que a rede se tornasse a segunda maior rede DeFi do mundo, perdendo apenas para o Ethereum.

Com um aumento de mais de 60% nas últimas duas semanas e cerca de 12x nos últimos 4 meses, a Fantom está ganhando cada vez mais espaço e ultrapassando diferentes concorrentes.

Com esse aumento, até mesmo a Binance Smart Chain (BSC) deixou de fazer parte do top 3 no setor de finança descentralizada.

Fantom

Depois desse aumento em seu valor total bloqueado, a rede Fantom ultrapassou a marca dos US$ 12 bilhões e mesmo com o mercado de criptomoedas em um momento de bastante negatividade, o valor caiu para US$ 11,87 bilhões, ele ainda está acima da rede da Binance (BSC), com seus US$ 11,48 bi.

A Fantom agora passou a ser uma das grandes concorrentes do Ethereum, a rede FTM já está começando a “ameaçar” a grande campeã do setor DeFi. Uma importante marca para o projeto é que sua blockchain ultrapassou o Ethereum em termos de transações diárias.

Com isso, a rede Fantom, por enquanto, demonstra ser a blockchain mais “competente” para se tornar o principal competidor do Ethereum.

E claro, o aumento pelo interesse na rede blockchain da Fatom refletiu na movimentação do preço da criptomoeda nativa do projeto, a FTM, com uma forte valorização durante 2021 que durou até a atual queda generalizada do criptomercado.

Após o Bitcoin despencar, levando outras moedas junto dela, o FTM teve uma correção de mais de 30% nas últimas semanas.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias