Flórida considera alocar parte das reservas do estado em Bitcoin

"Não podemos deixar para o futuro esse movimento, tem que ser feito agora"

Siga no
Cidade de Miami considera reserva de Bitcoin, fica no estado da Flórida, que também considera oportunidade
Cidade de Miami

O quarto maior estado dos Estados Unidos, Flórida, considera agora comprar Bitcoin para compor a reserva local. A cidade de Miami, sétima maior do país, também estaria na fila. A informação foi compartilhada em debates pelo Twitter, que chamou atenção na tarde desta terça-feira (29).

A novidade vem em um ano em que a adoção do Bitcoin cresceu entre investidores institucionais. Dessa forma, a alta no preço do Bitcoin em 2020 é totalmente diferente da vista em 2017, quando, naquela época, foi movida principalmente por pequenos investidores.

Com a grande adoção do conceito de reserva de valor, principalmente em um momento de crise na economia, várias pessoas buscam se proteger de riscos. Assim como o ouro, o Bitcoin é um dos ativos com maior busca, elevando seu preço no mercado.

Como a moeda digital é um bem escasso, a alta na demanda foi o principal motor propulsor da recente valorização. No Brasil, por exemplo, o Bitcoin chegou a ser cotado em R$ 150 mil em algumas corretoras, ajudado ainda pela alta do dólar no país.

Prefeito de Miami considera colocar 1% de Bitcoin na reserva da cidade, Flórida poderia fazer o mesmo

O prefeito de Miami surpreendeu a comunidade de fãs do Bitcoin nesta terça-feira (29). Ao responder uma mensagem pelo Twitter, o prefeito deixou aberta uma porta interessante para a adoção da moeda digital.

Isso porque, o entusiasta do Bitcoin Anthony Pompliano pediu que seus seguidores o ajudassem a contatar o prefeito da cidade. De acordo com Pompliano, o “barulho” da comunidade seria feito com intuito de alertar o prefeito para aderir ao Bitcoin.

Caso o prefeito deixasse aberta a oportunidade, Pompliano sugeriu que as pessoas se mudassem para a cidade. E surpreendentemente, o prefeito de Miami, Francis X. Suarez, respondeu diretamente pelo Twitter ao alarde da comunidade.

De acordo com Suarez, ele estaria “definitivamente aberto para explorar isso“. Ou seja, caso ele dê seguimento a ideia, Miami poderia ser a primeira das 10 principais cidades dos Estados Unidos a colocar Bitcoin em sua reserva.

O movimento deixou os fãs do Bitcoin animados, com uma grande cidade no sul da Flórida aderindo à moeda digital. Em 2020, grandes empresas como, por exemplo, a MicroStrategy, Square e até o PayPal, compraram Bitcoin como reserva de valor.

Caso o movimento passe a ser feito também por cidades, talvez até estados e países, o preço do Bitcoin pode subir ainda mais devido a sua escassez no mercado. Para quem espera o chamado movimento de “adoção em massa”, ver a sinalização do prefeito de Miami acende mais uma ponta de esperança.

Com repercussão, responsável pelas finanças da Flórida comentou que “não podemos deixar para o futuro esse movimento, tem que ser feito agora”

Não foi apenas o comentário do prefeito de Miami que deixou os bitcoiners animados nesse caso. Com a repercussão, Charlie Shrem, um dos primeiros adotantes de Bitcoin famosos, comentou que o estado da Flórida poderia ser o pioneiro dos Estados Unidos no assunto.

De acordo com Jimmy Patronis, sua função como Diretor Financeiro da Flórida seria manter o dinheiro público seguro. Desse modo, não pode deixar para o futuro uma eventual reserva de Bitcoin, tem que se mover agora. Não ficou claro se a Flórida realmente vai colocar 1% do tesouro em Bitcoin.

“Eu adoro que o prefeito esteja animado com a expansão do setor financeiro global na Flórida”, afirmou Patronis

O governador da Flórida, Ron DeSantis, que também foi mencionado no debate, ainda não havia se manifestado publicamente até o fechamento desta matéria. De qualquer forma, o debate ganhou proporções gigantescas, em importantes cidades e estados da maior potência econômica do mundo.

Em relação ao dólar, o Bitcoin valorizou mais de 270% desde o início de 2020. Como reserva de valor, o movimento de certamente pode ter impressionado o prefeito de Miami e o diretor financeiro da Flórida.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Big Techs

Gigantes da tecnologia correm para entrar no mercado de criptomoedas

Amazon, Facebook, Twitter, Reddit, Signal, Kin e provavelmente o Google são apenas algumas das maiores empresas de tecnologia do mundo que agora estão envolvidas...
UniSwap-arte

Uniswap dobra o joelho para regulação e censura mais de 100 criptomoedas

A Uniswap Labs, empresa responsável pelo desenvolvimento da exchange "descentralizada" Uniswap, anunciou que limitará o acesso a mais de 100 tokens em sua plataforma. O...
Uniswap moeda

Criptomoeda de graça na Uniswap é golpe que pode drenar saldo de carteira

Um ataque cibernético aplicado na Uniswap envolvendo uma distribuição gratuita de criptomoedas (airdrop) na rede Ethereum pode drenar todo o saldo das carteiras dos...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias