Caso de fraude contra McAfee pode afetar Elon Musk e sua Dogecoin

Uma das moedas pela qual McAfee está sendo acusado de fraude é a Dogecoin, a preferida de Elon Musk.

Siga no

Recentemente John McAfee foi extraditado de Barcelona, na Espanha, e levado para os EUA, onde está respondendo por diferentes crimes, incluindo fraude fiscal contra o governo. No entanto, existem outras acusações relacionadas a criptomoedas que podem até mesmo afetar Elon Musk no futuro.

De acordo com a Reuters, promotores federais dos EUA estão acusando McAfee e um de seus sócios, Jimmy Gale Watson Jr., de aproveitarem da posição de influência de McAfee para aplicar esquemas de fraude com criptomoedas durante 2017 e 2018.

Segundo as acusações, McAfee teria usado a sua influência no Twitter para realizar esquemas de pump and dump, isso é, inflar o preço de um ativo antes de despejar grandes quantidades no mercado.

Do que McAfee está sendo acusado?

John McAfee sempre foi uma figura influente dentro do mercado de tecnologia e isso não foi diferente dentro do criptomercado. Durante o boom das altcoins em 2017, McAfee usava o seu Twitter para indicar investimentos em altcoins que ele acreditava que teriam um bom retorno.

As postagens no Twitter eram chamadas de “Moeda do Dia” ou “Moeda da Semana”. Como é de se esperar, muitos seguiam os conselhos de McAfee e apostavam em moedas de capitalização baixa, como a Verge ou a Reddcoin.

A justiça norte-americana agora está acusando McAfee de não ser completamente transparente sobre as suas recomendações de investimento no período. A acusação da promotoria de Manhattan diz que McAfee recebia dinheiro para incentivar o investimento em diferentes projetos e os passava como “uma boa oportunidade de ganhar dinheiro”.

Mas quando o preço do ativo subia após a sua recomendação, as moedas eram despejadas no mercado.

Esses esquemas são conhecidos como manipulações de mercado que podem ser julgadas como fraude.

Em um anúncio, o promotor de Manhattan, Audrey Strauss, disse que McAfee e seu sócio arrecadaram milhões através dos esquemas.

“McAfee e Watson exploraram uma plataforma de mídia social e o entusiasmo entre os investidores no mercado emergente de criptomoedas para fazer milhões através de mentiras e enganações.”

O Departamento de Justiça afirmou que McAfee e seu cúmplice arrecadaram mais de US$ 13 milhões com os esquemas.

McAfee se defendeu das acusações, dizendo que suas postagens de “Moeda do Dia” eram baseadas em diferentes análises sobre a possibilidade de retorno das moedas e que os pagamentos que ele recebeu por essas “propagandas” foram feitas nas próprias moedas que quebraram no futuro.

“Minha equipe analisou cada promoção baseada no gerenciamento, planos de negócios e potencial. Ninguém poderia prever a queda do mercado de Altcoins. Nós fomos pagos nessas mesmas moedas que quebraram. As alegações da SEC são exageradas.”

E como isso tudo pode afetar Elon Musk?

Durante os últimos meses Elon Musk usou o seu Twitter para promover a Dogecoin, que consequentemente teve uma valorização considerável após a atenção do famoso empresário e outros nomes. 

Para diferentes especialistas as duas situações serão vistas da mesma maneira pela SEC e pelas autoridades americanas, que podem investigar Musk pelo mesmo motivo de McAfee.

Vale ressaltar que uma das moedas pela qual McAfee está sendo acusado de fraude é a Dogecoin.

McAfee Dogecoin coin of the day
McAfee Dogecoin coin of the Week

Rumores recentes já até apontaram para o fato de que a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA está investigando Musk em relação ao DOGE e a sua influência no Twitter.

Caso haja uma futura investigação, o resultado dependerá do fato de Musk ter realizado um esquema de Pump e Dump, o que, à primeira vista, não parece ser o caso.

Mas ainda assim, é algo que pode incomodar o famoso bilionário.

McAfee se defende dizendo que a moeda não era um esquema e até cita Musk.

“Muitas das acusações são sobre minha “moeda do dia”. Em 2017 escolhi moedas que acreditava ter valor. Uma delas era Doge – agora sendo elogiada por Elon Musk. A moeda aumentou bem mais de 1000% desde que a escolhi. Não era um esquema de pump e dump.”

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.
CVM versus Coinbene corretora no Brasil

Corretora de criptomoedas anuncia fim de atividades no Brasil

A corretora global de criptomoedas Coinbene anunciou nesta segunda-feira (18) o fim de suas atividades no Brasil, devido a razões políticas "conhecidas". Está é segunda...
Martelo da Justiça e Bitcoin em destaque

Safra pede bloqueio de criptos em corretoras para cobrar dívida de posto de gasolina

O Banco Safra poderá pedir o bloqueio de criptomoedas em corretoras em um caso que envolve uma rede de postos em São Paulo que...

Primeiro ETF de Bitcoin nos EUA estreia nesta terça-feira

Embora muitos apontassem que o ETF da Valkyrie seria o primeiro a ser aprovado, a ProShares saiu na frente desta largada. Segundo a empresa,...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias