Rumor: Elon Musk está sob investigação da SEC por causa de tweets sobre Dogecoin

Em 2019 Musk disse em uma entrevista que não respeita a SEC.

Siga no
Elon Musk. Imagem: Youtube
Elon Musk. Imagem: Youtube

O CEO da Tesla, Elon Musk, pode estar sendo investigado pela comissão de valores mobiliários dos Estados Unidos (SEC) por causa de sua suposta manipulação no mercado de criptomoedas, especialmente na Dogecoin.

O bilionário tem tuítado implacavelmente nos últimos meses promovendo a criptomoeda ‘meme’, e o preço da DOGE disparou várias vezes após suas publicações. A moeda digital chegou a atingir um pico de US $ 0,087 no início de fevereiro, valorizando mais de 800% em um dia.

Musk já havia atraído sanções da SEC por causa de seus tuítes sobre a Tesla, onde é CEO e acionistas. Ele fez um acordo com a agência reguladora e teve que pagar multa de US $ 20 milhões após ser acusado de fraude de títulos.

As empresas de capital aberto são regulamentadas pela forma como dão declarações prospectivas, a fim de garantir que os investidores tenham igual acesso às notícias que podem alterar significativamente os preços das ações.

As criptomoedas não são regulamentadas da mesma maneira, mas os tweets de Musk sobre a Dogecoin parecem ter despertado o interesse da SEC mais uma vez.

Os rumores da nova investigação contra Musk foram relatados pela primeira vez no Twitter da First Squawk, uma agência de notícias financeiras para traders, corretores e outros profissionais do mercado.

“SEC está investigando o CEO da Tesla, Elon Musk, por causa de seus tweets sobre a Dogecoin, segundo fontes familiarizadas com o assunto”, disse a agência de notícias.

Espero que estejam!

Musk, ao saber dos rumores, não se importou e disse que espera que a SEC o investigue.

“Eu espero que eles façam! Seria incrível”, disse ele na quinta-feira (25), respondendo aos rumores não confirmados de que a SEC planejava investigar suas postagens promovendo a Dogecoin.

Lembre-se que em uma entrevista em 2019 Musk declarou explicitamente que não respeita a SEC.

Já se sabe que a SEC está monitorando Musk desde que ele foi multado pela primeira vez, isso por si só já torna possível que a agência esteja extremamente interessada e multa-lo mais uma vez, já que sua empresa, a Tesla, anunciou recentemente a compra de US $ 1.5 bilhão em Bitcoin.

“Não seria surpreendente – dado o foco dos Tweets do CEO, preços do Bitcoin e recentes movimentos dramáticos do mercado – que a SEC fizesse perguntas sobre os fatos e circunstâncias”, disse o advogado Doug Davison ao site Telegraph.

No final de janeiro, conforme reportou o Livecoins, alguns investidores pediram aos reguladores para se envolver e interferir nas tuitadas de Musk.

Na época eles disseram que os tweets de Musk poderiam ter “resultados terríveis para investidores de varejo, enquanto ele e seus amigos só ficavam mais ricos.”

Um ex-funcionário do Google chegou a afirmar que o CEO da Tesla poderia “ficar rico com um tweet”.

“Ele é um inovador, mas isso não significa que esteja acima da lei”, disse à CNBC.

A SEC não confirmou se está realmente investigando Elon Musk pelas postagens sobre a Dogecoin.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Modelo do Instagram vende seu “amor” em forma de criptomoeda

O mercado dos tokens não-fungíveis (NFTS) realmente se tornou uma grande moda nos últimos meses, sendo uma forma que muitos escolheram para vender peças...
Mapa da Venezuela - Livecoins

Vídeo: Supermercado na Venezuela aceita apenas ouro como pagamento

Um mercado na Venezuela chamou a atenção ao aceitar apenas ouro como meio de pagamento. A modalidade nada convencional de pagamento, atualmente é claro,...

Senado dos EUA quer arrecadar US$ 28 bilhões em impostos de criptomoedas

Com o crescimento constante do mercado de criptomoedas, há também o aumento do interesse do governo em conseguir taxar o setor e ter uma...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias