Fundo bilionário está apostando contra a stablecoin Tether

Criptomoeda deve cair em até 1 ano, acredita fundo.

Criptomoeda Tether com fundo laranja
Criptomoeda Tether com fundo laranja

Um fundo de hedge bilionário resolveu ‘shortear’ a stablecoin Tether o que, na prática, significa que ele está apostando contra o futuro da maior criptomoeda associada ao Dólar.

Essa criptomoeda é a mais valiosa dentre as chamadas stablecoins, que nada mais são que moedas supostamente lastreadas em algum ativo. Contudo, para traders do mercado essa tecnologia se tornou tão comum que muitos não se importam tanto com o valor da moeda, indicando que o Dólar também não tem lastro.

Mesmo assim, a Tether é emitida por uma empresa e não governo, que no caso é a iFinex, empresa dona também da corretora Bitfinex. Além da Tether, as stablecoins BUSD, USDC, DAI, são outras que possuem possível lastro na moeda fiduciária norte-americana.

Esse setor chamou muita atenção com o anúncio do Facebook de criar sua criptomoedas nesses moldes, a Libra, que virou Diem e agora parece ter sumido do mapa. E isso aconteceu justamente por governos pelo mundo não aceitarem a grande empresa emitir sua própria moeda, mostrando que essas stablecoins podem ser paradas.

Fundo bilionário aposta contra stablecoin Tether e acredita que lucro virá em um ano

Segundo informações publicadas pela Bloomberg, o fundo de R$ 20 bilhões Fir Tree resolveu partir para o ataque contra a stablecoin Tether, criando mecanismos para apostar contra o futuro da moeda valorada em Dólar.

Como a moeda está na mira dos reguladores, o fundo de hedge viu uma oportunidade ao acreditar que ela deve cair. Segundo a apuração, a venda (short) foi conduzida de forma assimétrica, representando um baixo risco para o fundo, mas com potencial de grandes ganhos.

Até concorrentes estão tentando como a operação foi feita no mercado para elaborar o mesmo. Como essa moeda é estável com seu valor lastreado em USD, ela é um refúgio para investidores de Bitcoin quando essa moeda atravessa grandes momentos de volatilidade.

Além disso, países como a Argentina viram no Tether uma oportunidade para manter Dólar no patrimônio e evitar o colapso da moeda nacional. Em outros países a moeda é até trocada em comércios e entre a população.

Papéis vinculados a empresas do setor imobiliário chinês

Ao apostar contra a Tether, o fundo de US$ 4 bilhões acredita que a moeda irá ruir em até 12 meses. Isso porque, parte das reservas dessa criptomoeda estão em empresas do setor imobiliário chinês, que não atravessam um bom momento.

No passado a Tether já desmentiu essa relação, mas o rumor continua. De qualquer forma, o fundo estuda essa venda há meses e especialistas ajudaram a criar o produto, assim como uma corretora de criptomoedas.

Assim, caso se percebido um interesse maior por investidores no produto, ele poderá ser aberto para mais investidores no futuro, todos esses interessados em lucrar com um colapso da Tether e os efeitos que possa causar no Bitcoin e outras criptomoedas.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

Últimas notícias