Garmin é alvo de ransomware, mas já recupera sistemas

Empresa dos EUA ficou o último fim de semana ‘offline’ para clientes!

-

Siga no
Empresa Garmin
Empresa Garmin - Reprodução/Garmin

Mais uma empresa alvo de um ataque ransomware, dessa vez a Garmin foi a afetada por uma vulnerabilidade. Com o ataque, o último fim de semana foi de prejuízo para os clientes da empresa, que fabrica uma série de itens de luxo.

O foco da Garmin é o comércio de itens de luxo, como dispositivos vestíveis, como relógios inteligentes. A empresa também tem em sua linha de produção vários produtos que utilizam o sistema de GPS, que foram afetados no último fim de semana.

Normalmente, ataques ransomware criptografam os dados das vítimas e passam a solicitar pagamentos para resgates. Tais pagamentos são exigidos em criptomoedas, como o Bitcoin ou até Monero, por exemplo.

Garmin é alvo de ataque ransomware que prejudica serviço oferecidos para clientes

Nos últimos anos, com mais pessoas ingressando na internet, os ataques hackers ficaram cada vez mais sofisticados. Dessa forma, uma das piores pragas digitais dos últimos tempos, os ransomwares, foram criados.

Quando é instalado no computador de uma vítima, o ransomware imediatamente bloqueia o acesso aos arquivos. Utilizando criptografias de última geração, os hackers pedem criptomoedas para liberar novamente o acesso aos dados.

Várias empresas e pessoas físicas têm estado em alerta com essa realidade, que afeta muitos negócios. Na última quinta-feira (23), foi a vez da Garmin, que teve problemas com um ataque ransomware.

A Garmin Ltd. foi vítima de um ataque cibernético que criptografou alguns de nossos sistemas em 23 de julho de 2020. Como resultado, muitos de nossos serviços on-line foram interrompidos, incluindo funções do site, suporte ao cliente, aplicativos voltados para o cliente e comunicações da empresa. Começamos imediatamente a avaliar a natureza do ataque e iniciamos a correção.

A empresa teve problemas diversos, e os clientes ainda tiveram problemas em seus dispositivos. Um dos serviços afetados, muito utilizado nos relógios da marca, foi o Garmin Connect, que registra, analisa e compartilha atividades fitness dos donos.

Empresa tem conseguido recuperar os sistemas rapidamente

Nesta segunda-feira (27), quatro dias após o problema vir a tona, a Garmin afirmou que a resolução do problema está em estágio avançado. Isso porque, vários sistemas que haviam sido afetados já foram recuperados. A empresa deixou claro, via Twitter, que nem todos estão 100% ainda.

Temos o prazer de informar que muitos dos sistemas e serviços afetados pela recente interrupção, incluindo o Garmin Connect, estão retornando à operação. Alguns recursos ainda têm limitações temporárias enquanto todos os dados estão sendo processados.

De fato, a Garmin afirmou que o ransomware do qual foi alvo não comprometeu dados de seus clientes. Além disso, a empresa não deixou claro quanto foi pedido pelo resgate nem qual criptomoeda os hackers solicitaram como pagamento.

No ano de 2020, em meio a pandemia, subiu o número de empresas que foram alvos de ataques hackers. No Brasil, por exemplo, até unidades de saúde do Rio de Janeiro foram alvos de ataques, comprometendo o acompanhamento de pacientes com suspeita de estarem infectados pelo novo coronavírus.

Os ransomwares são ataques hackers sofisticados, sendo que para se prevenir, é importante manter softwares originais no computador e sempre atualizados. Além disso, evitar o download de arquivos de fontes desconhecidas assim como clicar em links suspeitos, são maneiras de evitar os temidos ransomwares.

Siga o Livecoins no Google News para receber nossas notícias em tempo real.
Curta nossa página no Facebook e também no Twitter.
Receba também no email se cadastrando em nossa Newsletter.
Anúncio

Bitcointrade - 95% dos depósitos aprovados em até 30 minutos!

Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos!

Complete seu cadastro em 5 minutos!
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Moeda digital Bitcoin com fundo preto

Bitcoin mira alta histórica no Brasil após dobrar de preço

O preço do Bitcoin voltou a se aproximar da marca de U$ 12 mil por unidade, com um movimento impressionante no fim de semana....
Poupança

Idoso colocou poupança em criptomoeda

O tema DeFi está em alta em 2020, com algumas inovações sendo destaque com criptomoedas ligadas a Ethereum. Chamou atenção nos últimos dias para...
Hacker. Imagem: Cortesia Pixabay

Hackers roubam R$ 9.2 milhões em ataque de 51% ao Ethereum Classic

Através de um ataque de 51% contra a rede do Ethereum Classic (ETC), hackers conseguiram fazer um gasto duplo de cerca de 238,306 ETC,...