GoMoney: Conheça a primeira “stable coin” do Brasil

Siga no

A fintech GoMoney, anunciou a primeira “stable coin” do Brasil, a GoMoney Criptocoin (GMC), uma criptomoeda própria e baseada no dólar. A equivalência em dólar tem como premissa manter a cotação da GMC tangível e fácil de ser convertida em outras moedas.

“Stable coin” ou, moeda estável na tradução livre, é um termo usado para descrever criptomoedas destinadas a manter valores estáveis. Por exemplo, o Tether (USDT) é um ativo baseado em blockchain destinado a ser negociado sempre a US $ 1 (Um dólar). É uma “criptomoeda com preço estável”.

Cada moeda estável tem seu próprio mecanismo para garantir sua estabilidade de preço, mas todas elas geralmente funcionam da mesma maneira: Possuem algum tipo de garantia para administrar a oferta da criptomoeda para garantir que o mercado negocie a moeda por não mais ou menos que US$ 1.

Alguns exemplos conhecidos como o Tether ou TrueUSD usam o conceito de manter dólares reais em reservas que sejam resgatáveis ​​pelos tokens.

Maurício Pires, CEO da GoMoney, possui experiência no mercado de TI há mais de 10 anos, e o cargo de CFO está sob responsabilidade de Osman Velazquez Jr., que atua no mercado financeiro há 18 anos.

A GoMoney já atual no mercado Fintech com o aplicativo GoMoney que é “destinado principalmente a viajantes que querem negociar seu próprio valor ao trocar dinheiro, sem burocracia e com economia.” De acordo com um artigo publicado no StartSe, o aplicativo é uma alternativa para quem quer ir para o exterior e precisa trocar moedas de forma independente e econômica.

Maurício Pires, explica que “é possível saber exatamente quanto custa uma GMC a partir da cotação do dólar. Nossos usuários, portanto, poderão utilizar a moeda para fazer compras ou realizar outras transações comerciais com toda segurança e menor risco de volatilidade”, O CEO da plataforma afirma que o público é aquele que planeja utilizar uma criptomoeda como uma moeda digital, segura e sem fronteiras.

Como funciona – A fintech criou uma plataforma na qual o usuário, após ter seu cadastro aprovado pela área de compliance, poderá adquirir as GMCs através de transferência bancária. Uma vez feita a aquisição, é possível usar as criptomoedas para pagar por serviços em mercado nacional ou no exterior. Caso opte por vender a GMC, basta solicitar o resgate em qualquer moeda e o valor será creditado na conta bancária do vendedor, em qualquer lugar do mundo.  

De acordo com a empresa, a GoMoney Criptocoin (GMC) foi desenvolvida baseada no blockchain, tecnologia que utiliza descentralização de dados como medida de segurança. 

O GMC pode ser negociado e utilizado para transações dentro da plataforma própria do GoMoney: https://www.gomoneycoin.me/ A moeda ainda não pode ser negociada em outras corretoras.

O valor do GMC é equivalente ao Dólar Americano, e pode ser convertida em qualquer moeda fiduciária conforme o mercado de câmbio.

A mecânica exata por trás de cada moeda estável pode ser um pouco complexa, mas a essência é simples: “uma moeda destinada a ter um valor estável”.

A razão pela qual existe necessidade de uma moeda estável é simples de entender também: No mundo das criptomoedas, nem sempre é fácil enviar dólares pelo mundo devido a regulamentações e restrições.

Assim, para pessoas que não negociam ou não podem enviar dólares, ter um substituto ao dólar ajuda, com uma criptomoeda utilizando blockchain as coisas ficam ainda mais fáceis devido a velocidade de transação e taxas baixas.

Um substituto ao dólar como a Gomoney permite enviar a moeda para outra pessoa em qualquer lugar do mundo e a mesma pessoa poderá sacar o valor na moeda fiduciária que preferir, diretamente em uma conta bancária cadastrada no sistema.

Para conhecer mais sobre o projeto, acesse o site oficial: https://www.gomoneycoin.me/

Entrevista com os fundadores no Portal Dinherama.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Fundador do Livecoins. Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org

“Bitcoin não me atrai”, diz André Esteves do BTG Pactual em áudio vazado

Um áudio vazado de uma conversa de André Esteves, banqueiro do BTG Pactual, deixou claro a opinião dele sobre o Bitcoin como um investimento. O...
Dúvida sobre o Bitcoin ser caçado pela China

China pode estar planejando cancelar proibição do Bitcoin

A China tem sido um dos países que mais aparece nos holofotes do setor financeiro, seja ele o tradicional ou então o criptomercado. Com...

Alemanha vai leiloar R$ 75,2 milhões em Bitcoin

O leilão de criptomoedas realizados por diferentes governos tem sido algo cada vez mais comum, e desta vez um estado da Alemanha vai leiloar...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias