CIO da Guggenheim diz que sem dinheiro institucional Bitcoin pode cair até US$ 20 mil

Ele também disse que os investidores institucionais são responsáveis ​​pela alta quando o preço era de US $ 10.000 em setembro e alcançou os US $ 29.000 no final do ano.

Siga no
Guggenheim
Guggenheim

De acordo com o diretor de investimentos da Guggenheim Partners, Scott Minerd, a demanda de investidores institucionais não é suficiente para sustentar o atual preço do Bitcoin.

“No momento, a realidade da demanda institucional que suportaria um preço de $ 35.000 ou mesmo $ 30.000 não está lá. Não acho que a base de investidores seja ampla e profunda o suficiente agora para suportar esse tipo de avaliação.” 

Ele quis dizer, que apesar da forte alta do Bitcoin ter sido em parte pela entrada dos investidores institucionais, que o fez atingir a alta recorde de US $ 42.000, a demanda por Bitcoin apenas pelas instituições não será suficiente para impulsionar uma maior valorização.

Segundo Minerd, na verdade, as instituições não poderão nem mesmo ser capazes de sustentar o nível de preço dos $ 35.000, e talvez nem $ 30.000. Para ele, apenas a entrada de dinheiro institucional evitaria que o preço do Bitcoin caia abaixo do nível de preço dos US$ 30 mil.

Sendo assim, a opinião do investidor é que o preço pode voltar para os para US$ 20 mil, uma correção de 50% em relação ao topo histórico.

Vale destacar que o diretor de investimentos da Guggenheim Partners não é um crítico do Bitcoin. Na verdade ele vê a criptomoeda como um investimento de longo prazo, na sua opinião, o preço do Bitcoin pode chegar a US$ 400.000 no futuro.

Na versão apontada por Minerd, a forte alta registrada pelo preço do Bitcoin, que saltou de $ 29.000 para $ 42.000 na primeira semana de janeiro, seria devido especialmente aos investidores de varejo e não aos investidores institucionais.

Ele também disse que os investidores institucionais são responsáveis ​​pela alta quando o preço era de US $ 10.000 em setembro e alcançou os US $ 29.000 no final do ano.

Minerd explica que os investidores institucionais estão esperando por outras oportunidades para comprar mais Bitcoin, segundo ele, esses investidores não venderam seus bitcoins na recente alta, a maior parte dos investidores de varejo, que são os maiores responsáveis pela alta de janeiro, é que venderam suas criptomoedas e estão atualmente fora do mercado.

Diego Marques
Diego Marques
Começou em 2016 como um dos primeiros redatores do Guia do Bitcoin. Diego tem preferência por notícias que podem influenciar o preço das criptomoedas, mas também gosta de escrever curiosidades do cripto-universo.
Divulgação/Goldman Sachs

Goldman Sachs reabre mesa de negociação de Bitcoin

A recente alta do Bitcoin reacendeu o interesse de diferentes players no criptomercado, com fontes afirmando que a Goldman Sachs, um dos nomes mais...
Bitcoin em fevereiro de 2021

Bitcoin foi o ativo com melhor desempenho em fevereiro, ouro e B3 em queda

O preço do Bitcoin teve alta de 42% em fevereiro, sendo o melhor ativo do mês. Ao contrário do desempenho da moeda digital, ativos...

Província da China vai banir mineração de Bitcoin por causa do impacto ambiental

A emissão de gases de carbono é uma grande preocupação atualmente, sendo classificado como o principal causador do efeito estufa e um dos motivos...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias

Bitcoin foi o ativo com melhor desempenho em fevereiro, ouro e B3 em queda

O preço do Bitcoin teve alta de 42% em fevereiro, sendo o melhor ativo do mês. Ao contrário do desempenho da moeda digital, ativos...

Província da China vai banir mineração de Bitcoin por causa do impacto ambiental

A emissão de gases de carbono é uma grande preocupação atualmente, sendo classificado como o principal causador do efeito estufa e um dos motivos...

Desenvolvedores voltam a atualizar Dogecoin

No meio da alta recorde das criptomoedas no ano passado, a Dogecoin (DOGE) se destacou como uma ovelha negra. Ela valorizou 2100% no intervalo...

Citibank: Bitcoin pode se tornar uma moeda de comércio global

O Bitcoin está em um "ponto de inflexão" e pode se tornar a moeda preferida para o comércio internacional, disseram analistas do gigante bancário...

Governos não podem manipular o Bitcoin, diz prefeito de Miami

Francis Suarez, o prefeito de Miami, quer tornar o Bitcoin parte do futuro econômico de sua cidade e, em uma entrevista à "Axios on...