Hackers invadem sistema de cidade do RS e pedem resgate em Bitcoin

Os ataques de Ransomware são endêmicos no meio cibernético, acontecendo com uma grande frequência. Uma das principais características desses ataques é o pedido de resgate em Bitcoin.

Siga no

A cidade de Candiota, município do Rio Grande do Sul com apenas 10 mil habitantes, teve o sistema utilizado pela Prefeitura comprometido por um ataque hacker que atrapalhou o funcionamento de serviços importantes. Os hackers pediram um resgate em Bitcoin para devolverem o acesso aos servidores para a prefeitura.

Como mostrado pelo G1, a prefeitura teve quatro dos seus sistemas comprometidos por um ataque de ransomware. Esse tipo de ataque “sequestra” diferentes sistemas, bloqueando o acesso a vários arquivos através de criptografia. Para acessar esses arquivos a vítima precisa pagar um resgate pelo programa decodificador, esse resgate é quase sempre pedido em criptomoedas.

Na tela do computador, os hackers exibiram uma mensagem exigindo o pagamento de uma taxa para que o sistema volte a funcionar. Os funcionários descobriram o ataque quando tentaram utilizar o sistema para lançarem as receitas do mês. Nos computadores ligados ao sistema uma mensagem pedindo o resgate na moeda digital era exibido na tela.

“A gente recebeu uma mensagem na terça-feira [13] dizendo que nós tínhamos um prazo de 24 horas pra pagar, em Bitcoins que chamam, né? Que é a carteira digital para ter o sistema recolocado no ar de novo”, explicou o secretário de Administração e Finanças de Candiota, Alexandre Vedooto ao G1.

De acordo com a administração do município, o departamento de TI começou a trabalhar no backup do sistema assim que o ataque foi identificado. Os profissionais da prefeitura conseguiram recuperar partes do sistema, utilizando o backup de antes de 1º de outubro.

“Só temos um sistema funcionando parcialmente que é para emissão de nota fiscal eletrônica. Que é o primeiro que a gente colocou de novo a funcionar, que é pra quem precisa retirar nota eletrônica não ser prejudicado.”, afirmou Vedooto.

No entanto, outros sistemas ainda estão fora do ar, como o pagamento de fornecedores e o agendamento de consultas e surgias. A prefeitura acredita que vai conseguir trazer todo o sistema de volta até a próxima segunda-feira, 19, utilizando os backups disponíveis.

Ransomaware é um grande risco cibernético, resgate em Bitcoin é comum

Os ataques de Ransomware são endêmicos no meio cibernético, acontecendo com uma grande frequência. Uma das principais características desses ataques é o pedido de resgate em Bitcoin.

A moeda é uma das preferidas dos hackers por causa do valor e da facilidade de transação. No entanto, o Monero está aos poucos se tornando comum, por causa do anonimato verdadeiro. Na maioria das vezes os hackers utilizam serviços de mixer para esconder os Bitcoins arrecadados.

O fato de o ataque ter sido revertido através de uma recuperação de backup indica que a equipe por trás do hack não era experiente ou que não utilizou uma variação muito complexa do ransomware.

Em ataques de nível mais alto, o vírus consegue impedir recuperações de Backup e até mesmo destroem os arquivos que tentam ser recuperados sem pagar o resgate.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Criptomoedas mais populares atualmente são de jogos

De acordo com medidores de popularidade de criptomoedas, uma nova tendência parece estar começando dentro do mercado de criptomoedas: a popularização dos ativos ligadas...

Sob pressão regulatória, maior corretora de Bitcoin do mundo decide limitar saques de novos...

A Binance, maior corretora de criptomoedas do mundo, sempre teve uma postura não muito rígida em relação as regras de KYC (identificação de clientes)...
Movimentos de baleias em gráfico do Bitcoin

Baleias compraram 170 mil bitcoins nas últimas cinco semanas

Um recente estudo publicado pela Santiment revelou que as baleias (grandes detentores) compraram 170 mil bitcoins nas últimas cinco semanas, avaliados em cerca de...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias