Idosa perde R$ 4,5 milhões em criptomoedas na Coinbase

Conforme relatado, Anlyan recebeu uma ligação de um número desconhecido que informou que sua conta estava zerada.

Alex Anlyan, uma senhora de 84 anos, relatou à CBS que foi vítima de um golpe envolvendo criptomoedas. Segundo ela, os hackers invadiram a sua conta em uma exchange e então sumiram com seu investimento de 800 mil dólares, equivalente a R$ 4,5 milhões. O caso aconteceu em West Palm Beach, na Flórida.

Ela comenta que tudo aconteceu de maneira muito rápida e fácil, ainda em choque em relação com o golpe que sofreu. Sua maior mágoa é a crueldade deste mundo, especialmente com pessoas mais idosas que não estão tão acostumadas com tecnologias.

Quando se trata de criptomoedas, é importante notar que as pessoas precisam ter mais cuidado com seus fundos visto que as transações são irreversíveis. Além disso, é importante estar atento a golpistas que se passam por empresas, um golpe bem comum atualmente.

Investimento para a família

Segundo informado pela reportagem da CBS, Anlyan começou a investir em criptomoedas pensando em sua família, todavia seus planos acabaram tornando-se um pesadelo quando ela descobriu que 800.000 dólares, em criptomoedas, haviam sumido de sua conta na Coinbase, uma das maiores exchanges de criptomoedas.

Conforme relatado, Anlyan recebeu uma ligação de um número desconhecido que informou que sua conta estava zerada. É muito provável que o golpe tenha acontecido neste ponto, com a vítima revelando informações úteis para os golpistas.

“Era um número de Washington D.C, área 202, e o homem disse ‘você não tem mais dinheiro na sua conta da Coinbase'”

Após entrar em sua conta, Alex Anlyan percebeu que sua conta estava de fato zerada, os golpistas haviam realizado vários saques pequenos até deixar sua conta com apenas um dólar.

“Descobrimos que, de fato, todo o dinheiro foi retirado em quantias de 98,50 dólares, milhares de saques”

Por fim, ela revelou que embora tenha entrado em contato com a exchange e relatado o caso para a polícia e até mesmo o FBI, ela possui pouca esperança em reaver o dinheiro.

Exchange não é carteira

Embora a senhora tenha tomado as melhores práticas de segurança, como ativar a autenticação de dois fatores (2FA), é importante notar que deixar criptomoedas em exchanges é muito mais arriscado do que usar uma carteira.

Primeiramente, a exchange pode ser hackeada e todos usuários perderem seus fundos. Segundo, ataques de engenharia social como este caso são mais comuns e fáceis de serem implementado por criminosos.

“Nós vivemos em um mundo inseguro e indigno de confiança que é muito assustador, principalmente para os idosos”

A fala de Anlyan é mais um alerta para que você não confie em terceiros, além disso é muito importante que se tenha uma boa base de estudo sobre segurança para armazenar suas criptomoedas, como Bitcoin, de forma segura.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Henrique Kalashnikov
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias