Início Bitcoin Leidimar Lopes está desaparecido e justiça de SP dá 15 dias para...

Leidimar Lopes está desaparecido e justiça de SP dá 15 dias para líder da Unick Forex aparecer

Leidimar e Alberi Lopes foram citados pela justiça em caso envolvendo processo movido por ex-cliente.

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) fez uma publicação a procura do líder da Unick Forex e seu irmão, que não foram encontrados em um processo movido por um ex-cliente.

Acusada de operar um dos maiores golpes financeiros com a imagem do Bitcoin no Brasil, a Unick Forex acabou sendo encerrada pela Operação Lamanai em 2019.

Ao recrutar pessoas para um empreendimento que dava 30% de rendimentos fixos ao mês, a empresa logo chamou a atenção das autoridades brasileiras. Antes de ser encerrada, a Unick ainda tentou mudar o modelo de negócios para “Academy”, tentando legitimar o negócio perante investidores.

Na justiça brasileira vários processos de todo o país já foram movidos contra a empresa, suas subsidiárias e líderes. Mas ainda nenhum valor foi restituído até hoje, com pessoas que aportaram no negócio ainda sem saber o que acontecerá.

Tribunal de Justiça de São Paulo dá 15 dias para líder de Unick Forex aparecer

Em um processo de Indenização por Dano Moral que corre no Foro Regional de Santo Amaro, três empresas e dois líderes de um esquema de pirâmide no Brasil foram citados por um investidor.

Na parte ré do processo constam a Unick Forex, S.A. Capital e Urpay Pagamentos, com Leidimar e Alberi Lopes sendo também citados.

“Alegando, em síntese ter adquirido pacote de investimento rentáveis com um representante da empresa UNICK, informado que empresa operava no Mercado Forex, Criptomoedas e Bitcoin, de forma segura e sem riscos, prometendolhe ganhos pecuniários, e tais ganhos seriam totalmente possíveis após investimentos corretos no mercado financeiro e no mercado de bitcoins, pois em caso de eventual perda o capital inicial estaria garantido pela Terceira Requerida seguradora S.A. CAPITAL LTDA.”

Mas a justiça não encontra Leidimar Bernardo Lopes para responder sobre as acusações do ex-cliente, que investiu com ele R$ 10.482,00. Dessa forma, como o homem em local não sabido e incerto, o edital dá 15 dias para que o presidente da Unick Forex se apresente no caso, sob pena de revelia.

“Encontrando-se o réu em lugar incerto e não sabido, foi determinada a sua CITAÇÃO, por EDITAL, para os atos e termos da ação proposta e para que, no prazo de 15 dias, que fluirá após o decurso do prazo do presente edital, apresente resposta.”

Caso Leidimar não responda ao processo, ele poderá ser condenado na ação, que tem como valor da causa R$ 20.462,00. O investidor pede na justiça a rescisão contratual e devolução do valor, algo que ainda nenhum cliente conseguiu, mesmo com vitória na justiça.

Veja aqui a publicação do TJSP que dá Leidimar como desaparecido.

Essa não é a primeira vez que o Tribunal do Estado de São Paulo procura via edital um líder de empresas acusadas como pirâmide de Bitcoin, sendo que no final de 2020 um dos sócios da Genbit também foi procurado da mesma forma.