Leidimar Lopes, presidente da Unick continua preso

Três envolvidos com a Forex já foram liberados

Leidimar Unick
Leidimar Unick

Nesta terça-feira (04), algumas informações sobre a suposta soltura de Leidimar Lopes, da Unick começaram a circular nas redes sociais. No entanto, um comunicado da 7ª Vara Federal de Porto Alegre, responsável por julgar o caso, afirmou que houve um pedido de soltura que foi indeferido. Assim, o ex-presidente do grupo continua preso.

Criador da Unick Forex, Leidimar foi preso em 17 de outubro de 2019, acusado de organização criminosa por meio de um esquema de pirâmide promovido pela empresa.

A companhia prometia lucros de 400% com a realização de atividades no mercado forex por meio do Bitcoin. De acordo com a justiça, o empresário cometeu, junto com outros envolvidos, crimes de emissão de valores ou títulos mobiliários sem autorização prévia, evasão de divisas, lavagem de dinheiro operação de instituição financeira sem autorização legal.

Leidimar, que exercia o comando das atividades criminosas, já havia pedido para sair da prisão domiciliar em dezembro do ano passado. Porém, o Superior Tribunal Justiça negou o pedido.

De acordo com dados preliminares do esquema de pirâmide da Unick Forex, a empresa deixou uma dívida de 12 bilhões de reais para com seus clientes.

Três envolvidos com a Forex já foram liberados

No último sábado (01), três líderes da Unick Forex foram liberados da prisão. O tribunal soltou Danter Navar da Silva, Marcos da Silva Kronhardt e Paulo Sérgio Kroeff, mediante o cumprimento de algumas medidas. Estas incluem o pagamento de fiança de 200 mil reais, a proibição de deixar o país, proibição de se ausentar do local onde mora sem autorização da justiça, proibição de contatar outros réus e acessar a internet.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Jeferson Scholz
Jornalista. Escrevi dois artigos acadêmicos publicados no congresso de comunicação INTERCOM, e fui diretor do documentário universitário "Planeta dos Desmortos - O Mito Zumbi".

Últimas notícias