“Líderes” da Unick agora inflam empresa chamada MoGuRo

Cara, cheiro, jeitinho e membros de pirâmide

Siga no
MoGuRo oferecia rendimentos aos clientes garantidos com criptomoedas e Bitcoin
MoGuRo oferecia rendimentos aos clientes garantidos com criptomoedas e Bitcoin

Com os bloqueios de pagamento, a prisão da diretoria no último dia 17 de outubro e as indefinições quanto ao futuro da Unick Forex, “lideranças” à frente do marketing multinível da empresa estão divulgando agora uma nova empresa, a MoGuRo.

Fazemos questão de colocar “lideranças” entre aspas pois pessoas que levam outras a entrarem em esquemas que logo quebram, deixando milhares de investidores sem seu dinheiro, em nosso entender, não deveriam ser chamadas de “lideranças”.

Debandada geral

O movimento parece intenso e as “lideranças” têm vindo a público explicar os motivos de estarem migrando para a outra empresa. Entre os líderes “Diamante” da Unick (aqueles que trouxeram mais clientes para a empresa), pelo menos 3 já anunciaram que estão agora na MoGuRo, empresa com funcionamento muito semelhante à Unick.

É o caso de Alexandre “Xandão”, de Curitiba, que divulgou vídeo no YouTube explicando sua passagem para a nova empresa. Já na descrição do vídeo ele deixa claro que migrou para a MoGuRo:

Descrição em vídeo mostra migração de Alexandre "Xandão" para a MoGuRo
Descrição em vídeo mostra migração de Alexandre “Xandão” para a MoGuRo

No seu vídeo, Xandão afirma:

“Não tem como eu sair da Unick, eu tenho um mundo de investimento lá dentro, como tenho em outras. A única diferença é que eu não visto mais a camisa da Unick”, diz. Depois, afirma que “o negócio é diversificar, mas não conseguimos fazer rede em duas empresas”, explicando sua ida para a MoGuRo.

No vídeo, Xandão também afirma que outro líder fez o mesmo movimento, Adair Bueno. Em vídeo divulgado pelo canal Samuel Pereira Oficial, no YouTube, Adair fala da entrada dele na MoGuRo:

“Estamos em Curitiba, viemos conhecer a sede da empresa MoGuRo Clube, e hoje a gente veio com a galera de 18 líderes do Brasil todo aí”. Depois ele diz: “A gente vai fazer nome nesse mercado também, assim como a gente fez nessa empresa que deu alguns problemas”, afirma, em referência à Unick.

Além deles, outros nomes conhecidos da Unick que aportaram na MoGuRo foram Rangel Andrades e Eduardo Tamir da Silva, responsável pelo canal Efatá Bitcoin, além de Maurício Guterres e Elaine Gonçalves, de Florianópolis.

Como a MoGuRo diz funcionar

A MoGuRo é uma empresa muito recente, que foi lançada em 15 de julho passado, e que se comunica publicamente ou por seu site, pelos membros da rede, ou por seu presidente, chamado Silveira Júnior, que afirma ser engenheiro e membro de um grupo de empresários de Curitiba chamado “Grupo Silveira”.

Já parecendo querer evitar um comunicado da CVM (Comissão de Valores Mobiliários), que vêm notificando e proibindo atividades de empresas que oferecem investimentos, a MoGuRo se coloca como uma empresa de “consultoria e treinamento no mercado financeiro”, como aparece na entrada de um dos seus sites:

O que a MoGuRo promete aos clientes

De acordo com seu PDF de divulgação, que pode ser encontrado neste site da empresa, a MoGuRo afirma reservar 70% do valor investido pelos clientes para uma de suas “mesas de operações”, o que proporcionaria um lucro “compartilhado” com os clientes.

Além disso, eles dizem ofertar em sua ferramenta uma lista de “salas de sinais”, ou seja, espaços com dicas de investimentos rentáveis.

Planos da MoGuRo oferecem inacreditáveis 2,4% de lucro por dia
Planos da MoGuRo oferecem inacreditáveis 2,5% de lucro por dia

Segundo a empresa, as formas de “lucrar” do cliente são 6:

  1. Divisão de lucros. O cliente receberia até 2,5% diariamente sobre o valor investido.
  2. Indicação. 10% sobre qualquer pacote contratado por uma pessoa que chegar à empresa por indicação.
  3. Bônus binário. Esquema que “premia” cliente de acordo com os ganhos proporcionados pela rede de indicados que ele criou.
  4. Bônus de renovação. Modelo que premia novamente o cliente quando alguém da sua rede renova algum pacote.
  5. Bônus residual. Um percentual sobre a “taxa de serviço” cobrada de todos os membros da rede criada pelo cliente.
  6. Prêmios. Promete prêmios ao cliente que acumula pontos na empresa, ou seja, que faz rede de novos clientes. Os prêmios iriam desde relógios caros até motos e veículos de luxo, como a Range Rover Evoque e imóveis no valor de US$ 400 mil.

O PDF de divulgação promete ainda que, “em breve”, estarão disponíveis para os clientes um sistema de leilão de produtos, um e-commerce de produtos da empresa e de parceiros, uma plataforma de jogos e até um token, chamado Token ERC 20, que promete ser usado em plataformas parceiras e nas “principais exchanges internacionais”.

O site também indica um objetivo de “expansão internacional” da empresa, apresentando vídeos e PDFs de apresentação em 6 idiomas, português, inglês, espanhol, coreano, chinês e japonês.

Cara, cheiro, jeitinho e membros de pirâmide

Dificilmente uma empresa de investimento se coloca no mercado com tantos elementos que indicam ser ela uma pirâmide financeira. Por isso, chama a atenção a ousadia da MoGuRo.

Prometer lucros exorbitantes e usar de marketing multinível para angariar clientela é tradicional das pirâmides. Usar das criptomoedas como isca para novatos, também. Ter um negócio confuso, que nunca se sabe de onde vai vir o dinheiro é mais um item a pesar contra a empresa.

Mas a MoGuRo parece se sofisticar no quesito “rede de participantes”. Ela conseguiu, em três meses, angariar divulgadores de uma das mais famosas empresas do mercado, a Unick Forex, ou Unick Academy, empresa cujos diretores estão presos pela Polícia Federal e que está há meses com pagamentos atrasados, questões que sugerem, como a polícia já pontuou, tratar-se de uma pirâmide financeira.

Por isso, para quem tem qualquer intenção de investir, a MoGuRo parece ser uma empresa para se passar bem… bem longe.

Avatar
Sui Teixeira
Sui Teixeira é jornalista desde 2001, formada pela USP. Trabalha ainda como produtora de jingles, é programadora amadora e entusiasta de ciência e tecnologia.

Bitcoin é uma forma extrema de anarquismo libertário, diz gestor de fundos

Existem diferentes opiniões sobre como o Bitcoin será capaz de mudar o futuro e a sociedade como um todo, no entanto, nem todas as...

Apenas 16% dos investidores em criptomoedas entendem do assunto, diz pesquisa

Para investir de forma segura em qualquer mercado ou ativo é imprescindível que você tenha conhecimento sobre o que está fazendo. No entanto, uma...
Binance PIX

Corretoras brasileiras pedem ação da CVM, MPF e BC contra Binance

A Associação Brasileira de Criptoeconomia (ABCripto), que tem corretoras como a foxbit e Mercado Bitcoin, pediu que o MPF ajuíze uma ação civil pública...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias

Apenas 16% dos investidores em criptomoedas entendem do assunto, diz pesquisa

Para investir de forma segura em qualquer mercado ou ativo é imprescindível que você tenha conhecimento sobre o que está fazendo. No entanto, uma...

Corretoras brasileiras pedem ação da CVM, MPF e BC contra Binance

A Associação Brasileira de Criptoeconomia (ABCripto), que tem corretoras como a foxbit e Mercado Bitcoin, pediu que o MPF ajuíze uma ação civil pública...

Site sobre criptomoedas supera Bloomberg, Reuters e WSJ em visitas mensais

O maior agregador de preços de criptomoedas do mundo, o CoinMarketCap, realizou um marco histórico no mês de fevereiro: superou a marca de 100...

Foice, martelo e… Bitcoin? Filósofo diz que criptomoeda é um renascimento do comunismo

O filósofo francês Mark Alizart lançou um livro onde afirma que o advento das criptomoedas e o protocolo Bitcoin são uma possível alavanca para se pensar em...

George Ball diz que Bitcoin é uma boa proteção contra inflação

O famoso investidor George Ball, CEO da Sanders Morris Harris, dise que o Bitcoin é uma boa proteção contra a inflação. Dessa forma, ele...