Mais de 80 bancos japoneses pretendem usar rede blockchain da JPMorgan

A rede pode ajudar os bancos japoneses a combater os riscos de lavagem de dinheiro

Siga no
Bitcoin e Japão
Bitcoin e Japão

Mais de 80 bancos japoneses já mostraram interesse em usar à plataforma de pagamentos baseada em blockchain da JPMorgan, a Interbank Information Network (IIN).

O diretor executivo da JPMorgan, Daizaburo Sanai, disse à Bloomberg em uma entrevista publicada nesta terça-feira que o número é maior que qualquer outra rede de bancos no país, o Japão atualmente possui mais de 360 ​​bancos.

Ele disse também que a rede IIN pode ajudar os bancos japoneses a combater os riscos de lavagem de dinheiro, já que a rede torna a triagem da movimentação de dinehiro “mais rápida e eficiente”.

Os bancos japoneses estão sob pressão para fortalecer suas medidas de combate à lavagem de dinheiro desde que a Força-Tarefa de Ação Financeira (GAFI) encontrou problemas no país em 2014. No mês passado, o GAFI concluiu a análise mais recente no Japão e planeja anunciar os resultados no próximo ano.

O Japão tem sido acusado de ser um país que adota medidas fracas contra a lavagem de dinheiro e, por esse motivo, parece que a rede IIN oferecido pelo JPMorgan se tornou solução para o problema.

O banco Sumitomo Mitsui Trust Bank, sediado em Tóquio é um dos que assinaram uma carta de intenções para ingressar na IIN, de acordo com o relatório.Um funcionário do departamento de operações de tesouraria da Sumitomo, disse que a IIN poderia ajudar a minimizar os atrasos causados ​​pelas consultas entre os bancos e, por sua vez, ajudar na “rápida colaboração com as autoridades policiais, que é uma maneira eficaz” de combater a lavagem de dinheiro.

JPMorgan lançou sua rede IIN em 2017, permitindo que os bancos troquem informações relacionadas a pagamentos internacionais na plataforma nativa em blockchain do banco JPMorgan. Alguns dos bancos importantes que fazem parte da rede são: Deutsche Bank, o Royal Bank do Canadá o New Zealand (ANZ) Banking Group, entre outros.

Dentro de sua plataforma o JPMorgan está usando uma criptomoeda chamada JPM Coin, que foi testada este ano com alguns clientes corporativos. A moeda digital será usada para pagamentos internacionais, transações de ações e serviços de tesouraria do próprio banco.

Leia mais sobre:
Avatar
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Bug do Pix

Golpe “bug do Pix dobrado” se espalha pelo Whatsapp

As tentativas de aplicar golpes existem desde que o dinheiro nasceu (até mesmo antes), e não seria diferente na era digital. Muito além das...
ATM de bitcoin roubado

Criminosos roubam caixa eletrônico de Bitcoin em posto de gasolina

Criminosos roubaram um caixa eletrônico de Bitcoin (ATM) em um posto de gasolina no estado de Kentucky, nos Estados Unidos. De acordo com um...
Tori Maddison Preiss, Kaori Celine Nakase

Milionário do Bitcoin dá Lamborghini à namorada, mas ela terá que devolver

Uma influenciadora digital muito conhecida na Austrália e uma garçonete poderão perder carros de luxo e milhares de dólares. A Comissão de Crimes e...

Cotações por TradingView

Últimas notícias

Criminosos roubam caixa eletrônico de Bitcoin em posto de gasolina

Criminosos roubaram um caixa eletrônico de Bitcoin (ATM) em um posto de gasolina no estado de Kentucky, nos Estados Unidos. De acordo com um...

Milionário do Bitcoin dá Lamborghini à namorada, mas ela terá que devolver

Uma influenciadora digital muito conhecida na Austrália e uma garçonete poderão perder carros de luxo e milhares de dólares. A Comissão de Crimes e...

Corretora anuncia encerramento após ataque hacker

A corretora de criptomoedas Livecoin, com sede na Rússia, anunciou o encerramento de suas atividades a partir do dia 17 de março de 2021....

CPQD abre vaga de emprego para programador blockchain

Muitas pessoas buscam neste início de ano uma oportunidade de trabalho. Com o mercado de criptomoedas aquecido, várias oportunidades estão surgindo no setor. O...

Obra de arte com 250 bitcoins vendida em 2019 hoje vale R$ 42 milhões.

Em 2019, o argentino Alberto Echegaray Guevara vendeu uma obra de arte com 250 bitcoins. A obra foi apresentada na Bienal de Veneza 2019...