Mais de 80 bancos japoneses pretendem usar rede blockchain da JPMorgan

A rede pode ajudar os bancos japoneses a combater os riscos de lavagem de dinheiro

Siga no
Bitcoin e Japão
Bitcoin e Japão

Mais de 80 bancos japoneses já mostraram interesse em usar à plataforma de pagamentos baseada em blockchain da JPMorgan, a Interbank Information Network (IIN).

O diretor executivo da JPMorgan, Daizaburo Sanai, disse à Bloomberg em uma entrevista publicada nesta terça-feira que o número é maior que qualquer outra rede de bancos no país, o Japão atualmente possui mais de 360 ​​bancos.

Ele disse também que a rede IIN pode ajudar os bancos japoneses a combater os riscos de lavagem de dinheiro, já que a rede torna a triagem da movimentação de dinehiro “mais rápida e eficiente”.

Os bancos japoneses estão sob pressão para fortalecer suas medidas de combate à lavagem de dinheiro desde que a Força-Tarefa de Ação Financeira (GAFI) encontrou problemas no país em 2014. No mês passado, o GAFI concluiu a análise mais recente no Japão e planeja anunciar os resultados no próximo ano.

O Japão tem sido acusado de ser um país que adota medidas fracas contra a lavagem de dinheiro e, por esse motivo, parece que a rede IIN oferecido pelo JPMorgan se tornou solução para o problema.

O banco Sumitomo Mitsui Trust Bank, sediado em Tóquio é um dos que assinaram uma carta de intenções para ingressar na IIN, de acordo com o relatório.Um funcionário do departamento de operações de tesouraria da Sumitomo, disse que a IIN poderia ajudar a minimizar os atrasos causados ​​pelas consultas entre os bancos e, por sua vez, ajudar na “rápida colaboração com as autoridades policiais, que é uma maneira eficaz” de combater a lavagem de dinheiro.

JPMorgan lançou sua rede IIN em 2017, permitindo que os bancos troquem informações relacionadas a pagamentos internacionais na plataforma nativa em blockchain do banco JPMorgan. Alguns dos bancos importantes que fazem parte da rede são: Deutsche Bank, o Royal Bank do Canadá o New Zealand (ANZ) Banking Group, entre outros.

Dentro de sua plataforma o JPMorgan está usando uma criptomoeda chamada JPM Coin, que foi testada este ano com alguns clientes corporativos. A moeda digital será usada para pagamentos internacionais, transações de ações e serviços de tesouraria do próprio banco.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Livecoins
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Banco dos EUA JPMorgan - Bitcoin BTC Criptomoedas

JPMorgan faz alerta sobre preço do Bitcoin

Depois de prever que o preço do Bitcoin poderia chegar a US $ 146 mil ainda este ano, o analista do JP Morgan, Nikolaos...

Se quiser rir, compre Dogecoin, se quiser assumir o poder, compre Bitcoin.

Dogecoin já entrou no top 10 das criptomoedas mais valorizadas. Agora a moeda tem uma capitalização de mercado de mais de US $ 43...
Bill Miller

Não acho que Bitcoin seja uma bolha, diz Bill Miller

Para o renomado investidor do mercado financeiro tradicional, Bill Miller, a ideia de que o Bitcoin está em uma bolha financeira não condiz com...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias