Os melhores canais no Youtube sobre Bitcoin e criptomoedas

Compilado apresenta quem são os profissionais que têm criado conteúdo em vídeo com qualidade para a comunidade brasileira, que pode aprender mais com essa galera da pesada.

Siga no
Bitcoin Youtube. Imagem: Adobe Stock
Bitcoin Youtube. Imagem: Adobe Stock

Chegamos na metade de 2021, ano promissor para as criptomoedas, com uma dúvida: quais são os melhores Youtubers de Bitcoin no Brasil? De fato, a resposta pode variar entre as pessoas que acompanham o mercado, e a comunidade foi fundamental para ajudar a realizar a lista abaixo.

A missão do YouTube é dar voz para todos, melhorando a forma que histórias são contadas por pessoas e ajudando aqueles que querem aprender sobre algum determinado assunto com a experiência dos outros.

No mercado de criptomoedas brasileiro, essa realidade se mostra presente, com grandes canais já criados e excelentes criadores de conteúdo.

No entanto, o mercado de Bitcoin tem centenas de canais, nunca houve tanto conteúdo sobre criptomoedas como agora. Assim, ao invés de facilitar, esse cenário dificultou a vida dos iniciantes, já que muitos dos produtores criam conteúdos tóxicos, como “a criptomoeda melhor que o Bitcoin que vai valorizar 1000% amanhã”, ” a nova moeda do futuro”, além de traders que dão dicas suspeitas de moedas que vão subir 50.000% “em breve”.

Em meio ao oceano de informações, existem aqueles que se destacam não por produzir conteúdo em troca de likes, mas conteúdo de valor para os usuários.

Esta lista então pretende ajudar quem busca se aprofundar e acompanhar o mercado diariamente, principalmente com informações seguras, sendo os diferenciais de todos os citados.

A lista é baseada em uma pesquisa feita no Twitter e Facebook no mês de maio.

Bitcoinheiros

Criado no final de 2018, o canal Bitcoinheiros tem se tornado um dos preferidos da comunidade de Bitcoin nos últimos meses. Com conteúdos e discussões mais técnicas sobre a moeda digital, seus apresentadores (Allan, Dov, Ivan e Becas) são defensores dos ideais de Satoshi Nakamoto.

Projetos de shitcoins certamente não têm muito espaço com essa galera. O canal já conta com cerca de 20 mil inscritos e é um dos mais promissores para quem gosta de acompanhar artigos, entrevistas e notícias sobre o Bitcoin.

O canal também produz um podcast com o mesmo nome, encontros semanais com os apresentadores e também lives.

Fernando Ulrich

O canal Fernando Ulrich é certamente um dos mais famosos da comunidade de Bitcoin no Brasil. Criado em 2017 pelo mestre em economia austríaca, o canal tem atualmente 304 mil inscritos. Ulrich relata que nunca imaginou que teria tanto sucesso.

Em conversa com o Livecoins, Ulrich, como é conhecido na comunidade, afirmou que estudar e falar sobre Bitcoin, no início, era apenas uma atividade paralela. Na época, ele escrevia para o portal Infomoney, mas resolveu testar a criação de conteúdos em vídeo.

Como seus vídeos fizeram sucesso, ele resolveu parar de escrever, focando assim em conteúdo para o Youtube, onde defende as ideias do Bitcoin há alguns anos. Em algumas produções, Ulrich também comenta sobre economia.

“Eu acredito que essa tecnologia é a invenção mais fantástica desde a internet. Para qualquer um que defende a liberdade, é uma tecnologia que será, já é e será cada vez mais, fundamental para a sociedade.”

Economista Sincero

Criado por Charles Mendlowicz, o canal Economista Sincero já conta com 377 mil inscritos. Com lives quartas e domingos, os conteúdos variam entre ações, fundos de investimentos, criptomoedas e economia global.

O canal criou uma comunidade de investidores, que estão atentos a oportunidades de mercado. Sem enrolação, este é o lema do Economista Sincero, que está presente também em várias redes sociais.

Investimentos Digitais

Presente também na nossa lista de 2018, o “Hello My Friends” – cumprimento de Edilson Lauro para seus seguidores – continua apresentando conteúdos importantes para o mercado brasileiro.

O canal Investimentos Digitais é mais um que mantém as atualizações do mercado para seus seguidores, com notícias e análises diárias.

O canal já conta com mais de 100 mil inscritos no YouTube e 9 milhões de visualizações.

Sempre de bom humor, Edilson procura manter seus seguidores seguros, com dicas e alertas do mercado de criptomoedas.

Visão Libertária

Um dos canais mais famosos na comunidade libertária do Brasil, o Visão Libertária também apresenta informações sobre o Bitcoin.

Apesar de não ser o foco principal do canal libertário, as criptomoedas são consideradas pelos seus criadores como uma ótima reserva de valor e moeda em prol da liberdade.

Criado em 2016, o Visão Libertária já conta com mais de 270 mil inscritos, trazendo conteúdos da atualidade, artigos técnicos e informações sobre Bitcoin, é claro.

Usecripto

Apresentado por Kaká Furlan e Carol Souza, o canal Usecripto é uma referência de duas grandes entusiastas brasileiras do Bitcoin. Às duas já viajaram o Brasil pagando apenas em Bitcoin, mostrando como a moeda digital tem potencial como meio de pagamento.

Moradoras de Porto Alegre, elas gravaram um especial em 2020, onde consumiram vários produtos com Bitcoin em sua cidade. O vídeo foi publicado no último mês de abril de 2021, mostrando a adoção da tecnologia no país.

Criado em 2019, o Usecripto já conta com mais de 60 mil inscritos que conferem casos de uso da moeda e explicações técnicas sobre este mercado.

Universidade do Bitcoin

Também criado em 2017, o Universidade do Bitcoin é um canal para quem busca conhecimentos em trade de criptomoedas. Essas operações buscam um melhor momento para se comprar Bitcoin no mercado, mas também vender a moeda em momentos que sugerem queda, segundo gráficos e probabilidades.

Dessa forma, o programa é apresentado por Rodrigo Miranda, mas sempre conta com outros especialistas como convidados. Na última semana, por exemplo, Rodrigo levou a apresentadora do Shark Tank Brasil, Carol Paiffer, para um bate-papo sobre criptomoedas.

Com cerca de 160 mil inscritos e famoso entre traders do mercado, o Universidade do Bitcoin é mais criador de conteúdos sérios no mercado.

BitNada

Para quem procura um canal no YouTube que apresenta técnicas para se investir no Bitcoin, o canal BitNada é uma das referências hoje. Com 54 mil inscritos, Felipe Escudero foca em análise técnica das criptomoedas, com vídeos sobre Day e Swing Trade.

Além disso, ele conduz lives diárias sobre as criptomoedas, observando as tendências do mercado. Com análises sobre Bitcoin e altcoins, o canal apresenta também um podcast de mesmo nome.

Augusto Backes

Com 105 mil inscritos em seu canal no YouTube, Augusto Backes apresenta conteúdos sobre Bitcoin, Ethereum e DeFi.

Augusto também apresenta conteúdos sobre análises técnicas, psicologia de mercado, entre outras informações.

Irreverente em suas apresentações, Augusto atingiu os 100 mil inscritos na última semana, após criar mais de mil vídeos para seu canal.

Com a procura pelo termo DeFi em alta, o youtuber cresceu bastante no último ano.

Caio Investe

Outra referência no YouTube para conteúdos sobre DeFi, o canal Caio Investe compartilha experiências do mercado com seus seguidores. Além disso, criptomoedas como Bitcoin, Ethereum, entre outras são analisadas por Caio Vicentino, apresentador do canal.

Com 26 mil inscritos e crescendo, Caio também é embaixador da MakerDAO no Brasil, fundação responsável pela criptomoeda DAI. Diariamente o canal publica uma live no horário de almoço, onde Caio compartilha suas visões de mercado com seus seguidores.

Em nota ao Livecoins, Caio afirmou que criou o canal porque sentia a necessidade de conteúdos sobre criptomoedas no YouTube. Caio acredita que tudo começou com o Bitcoin, mas com o DeFi o cenário das blockchains ficou ainda mais promissor.

“De modo geral, eu acredito que a tecnologia tem muito para caminhar, estamos no berço da criação de um movimento financeiro descentralizado. Existiram outras revoluções, mas a atual é a da internet, que veio com as finanças agregadas a ela”, comentou Caio.

Deny Torres

Youtubers falaram sobre o Bitcoin, economia, trade e DeFi, mas a mineração é um dos assuntos importantes sobre esse ecossistema. Dessa forma, o canal de Denny Torres é uma das referências no Brasil sobre a atividade de minerar criptomoedas em casa.

Com cerca de 100 mil inscritos, Denny compartilha suas experiências com a mineração com placas de vídeo, dando dicas sobre compras de equipamentos e noção de ganhos possíveis com a atividade.

Querido por seus seguidores, Denny recentemente viu alguns minerando moedas para ele por alguns momentos. Quem tem interesse em minerar criptomoedas em casa o canal oferece ajuda

A lista dos melhores youtubers de Bitcoin no Brasil chegou ao fim, mas se faltou alguém que você gostaria de ver aqui, deixe nos comentários como sugestão para outros seguidores acompanharem.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Símbolo da Binance líder maior corretora do mundo

Binance diz que intervenção do governo em corretoras é bom para o mercado

A Binance parece ter mudado totalmente a sua estratégia de negócios. Embora a exchange tenha crescido por não criar barreiras, não exigindo dados de...
Detran em Salvador na Bahia corrupção esquema

Esquema de corrupção no Detran-BA teve lavagem de dinheiro com criptomoedas

Um esquema de corrupção no Detran-BA investigado pelo Gaeco apontou que algumas pessoas fizeram a lavagem de dinheiro com criptomoedas. De fato, essa é a...
Torcida do Corinthians

Corinthians vai vender NFT a partir de outubro

O Sport Club Corinthians Paulista anunciou que vai começar a vender seus tokens NFT a partir de outubro. Recentemente, o clube paulista vendeu seus tokens...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias