Microsoft alerta contra Anúbis, malware que rouba Bitcoin

Grande empresa se posiciona para alertar usuários de Bitcoin para nova ameaça.

Siga no
Microsoft
Microsoft

A gigante Microsoft emitiu um alerta contra um malware chamado Anúbis, que tem roubado Bitcoin de dispositivos infectados. Além disso, a nova ameaça digital rouba dados bancários, senhas, entre outros.

Na mitologia egípcia, Anúbis é o nome dado a um deus, que teria corpo de humano e cabeça de chacal. Cultuado como deus da morte, era associado aos rituais de mumificação e vida após a morte. Dessa forma, Anúbis também tinha certa relação com as pirâmides do Egito, sendo considerado um protetor dessas por alguns estudiosos.

Pelo menos no Brasil, o nome Anúbis já foi associado a outro possível roubo de Bitcoin no último ano. Isso porque, uma empresa que levava o nome tinha um robô que oferecia rendimentos com Bitcoin, mas deixou alguns investidores com dificuldades para receber. Processos ainda correm na justiça contra a Anubis brasileira, que pertence a Atlas Quantum.

Microsoft emitiu um alerta de segurança contra o malware Anúbis

A segurança digital é um tema em alta nos últimos anos, com aumento das atividades online. Com mais pessoas trabalhando com a internet, hackers dedicam cada vez mais um tempo para roubar informações.

São muitas as empresas que se dedicam a criar aplicações de segurança contra essas ameaças. Uma delas é a Microsoft Security, que agora alerta contra um novo malware chamado Anúbis.

Parte da família do Loki, outro malware antigo e que se refere a um deus, Anúbis seria uma evolução. Usando o código do Loki, o novo vírus ataca desde junho, quando a Microsoft detectou que ele estava sendo vendido na dark net.

De lá para cá, o Anúbis passou a ser distribuído livremente pelo submundo, apontou a empresa. Como alvo, o novo malware busca roubar Bitcoin, dados bancários, senhas e até informações do sistema.

“O malware é chamado de Anubis e usa código bifurcado do malware Loki para roubar informações do sistema, credenciais, detalhes de cartão de crédito, carteiras de criptomoeda”, afirmou a Microsoft pelo Twitter

Distribuição do novo malware ainda é limitada, afirma Microsoft

A Microsoft afirmou que trabalha para prevenir seus usuários de serem alvos dessa nova ameaça. Entretanto, a empresa ainda não sabe bem como a ação do vírus é feita. O Windows Defender deverá receber atualizações assim que a empresa conseguir encontrar uma solução contra a nova ameaça.

Um dos problemas, de acordo com a Microsoft, é encontrar o método de distribuição do Anúbis. Até o momento, a empresa acredita que distribuição seja limitada a URLs e servidores C2.

Além disso, chegam em anexo a e-mails arquivos com extensão “.iso“, que ao serem abertos propagam o vírus. A empresa alerta que os usuários se atentem também para alguns processos no sistema, como ASteal.exe ou Anubis Stealer.exe, por exemplo.

A recomendação é evitar o download de arquivos e programas suspeitos, principalmente de e-mails. Manter um antivírus de confiança bem atualizado também é uma das principais recomendações.

Por fim, para quem mantém carteiras de Bitcoin em celulares ou computadores, o risco pode ser grande. Dessa forma, as carteiras de papel, aço e hardware, que são offline, tendem a ser mais seguras para manter os Bitcoins longes dos novos vírus, que já miram essas moedas digitais.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Departamento de Tesouro dos Estados Unidos

Departamento do Tesouro dos EUA quer ferramenta para rastrear Bitcoin

A agência dos Estados Unidos responsável pela implementação de sanções contra empresas, parte do Departamento do Tesouro, quer uma ferramenta capaz de rastrear o...
Polícia investiga negócio de criptomoedas no ES

Corretora cripto é alvo de operação policial por fraude bilionária

A polícia da Coreia do Sul realizou uma operação em diversos escritórios de uma corretora de criptomoedas após a empresa ter sido acusada de ser...
Criptomoeda Ethereum mãe do DeFi

Banco Central dos EUA elogia Ethereum e inovação com DeFi

O Banco Central dos Estados Unidos de St. Louis publicou um artigo elogiando as inovações da plataforma Ethereum. Ao criar aplicações bancárias com tokens,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias