Novo Presidente do Banco Central da Venezuela é especialista em criptomoedas

Novo presidente do BC da Venezuela é especialista em Criptomoedas, Fintechs e Blockchain.

Siga no
Imagem de notas de Bolívar e Bitcoin criptomoeda Banco Central BC
Imagem de notas de Bolívar e Bitcoin

O novo presidente do Banco Central da Venezuela (BC), que assumiu na última segunda-feira (27), é especialista em criptomoedas.

De fato, a situação é curiosa visto que a função do Banco Central de um país, pelo menos na maioria dos estados hoje, é justamente imprimir dinheiro e controlar a inflação. Mas no mercado de criptomoedas, essas instituições não exercem nenhuma influência, visto que a emissão de Bitcoin, por exemplo, já está definida desde sua criação em 2009.

Além disso, na Venezuela, a situação da moeda local é totalmente ruim, pois a moeda Bolívar perde cada vez mais valor no mercado local, principalmente em relação ao Dólar.

Vale o destaque que o presidente Nicolás Maduro, que não é um governo reconhecido por alguns países, inclusive o Brasil, já permite que pagamentos com Bitcoin sejam realizados. O governo também mantém uma fazenda de mineração, que está controlada pela Sunacrip e o exército bolivariano.

Novo presidente do BC da Venezuela é especialista em criptomoedas que deve conduzir nova guinada para economia digital

Em um anúncio da Vice-Presidente da Venezuela, Delcy Rodríguez, o novo presidente do BC do país é Román Maniglia, após uma troca no comando feita por Nicolás Maduro. Em sua biografia no Twitter, ele deixa claro que é um especialista em criptomoedas, blockchain e fintechs.

Novo presidente do BC da Venezuela é especialista em Criptomoedas, Fintechs e Blockchain
Novo presidente do BC da Venezuela é especialista em Criptomoedas, Fintechs e Blockchain/Twitter

Essa medida acontece dias antes da implementação do Bolívar digital, que será a versão digital da moeda nacional. Essa realidade começa a funcionar efetivamente na próxima semana, apesar da chamada Nova Expressão Monetária entrar em vigor já no dia 1 de outubro próximo.

Prometendo novas facilidades para transações entre pessoas, em uma economia digital, o Bolívar digital chega também em uma realidade em que a moeda física já torna impraticável as negociações, visto que é necessário muitas cédulas para pagar por produtos e serviços básicos.

O problema da Venezuela, muito além da nova moeda digital, de fato é a hiperinflação, uma das maiores do mundo. Assim, além de implementar a nova versão do Bolívar, Román chega para buscar controlar a inflação.

Esse presidente do BC da Venezuela chegou afirmando que está agradecido pela oportunidade de comandar a instituição, com apoio do governo. Ele lembrou que entre sua missão está a implementação do Bolívar digital.

“Grato ao Presidente Nicolas Maduro e o vice-presidente Delcy Rodriguez pela confiança e comprometida com o novo desafio que o Banco De Venezuela, para transformá-lo em um impulso para o banco digital e dar mais bem-estar ao nosso pessoal. #RumboAlBolivarDigital”.

Seis zeros estão sendo cortados do Bolívar

Apesar da chegada do Bolívar digital, a moeda física continuará existindo no país, que elimina a partir desta terça-feira (28) seis zeros da sua moeda, em um processo chamado de reconversão monetária.

Por conta dessas mudanças, alguns bancos não funcionaram hoje, visto que precisam se adequar as novas moedas. Nos próximos dias, mais implementações serão feitas, em uma luta desesperada para manter o poder de compra da população e facilitar negociações com a moeda local, seja física ou digitalmente.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bitcoin em alta. Imagem: ShutterStock

Bitcoin rompe alta histórica e é negociado acima dos 65 mil dólares

Com um mercado otimista em relação a questões regulatórias, o preço do Bitcoin rompeu a sua máxima histórica de 64.895 dólares registrada em abril...

Criptomoeda “promissora e fora do radar” desaparece com R$3 milhões dos investidores

Golpes envolvendo arrecadação de dinheiro e então um abandono do projeto são bem comuns, mas a CryptoEats foi além. A falsa empresa usou influenciadores...

FCA faz alerta para “jovens” que investem em criptomoedas

Segundo relatório publicado pela Autoridade de Conduta Financeira (FCA) do Reino Unido, a maior parte dos jovens faz investimentos arriscados por conta da competição...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias