O Bitcoin voltou a ser negociado acima de US $ 4.000. Mas por quanto tempo?

Siga no

O mercado parece estar melhorando depois que o Bitcoin passou a ser negociado acima de US $ 4.000 pela primeira vez desde o início de dezembro. Com um aumento de preço de mais de 8% nas últimas 24 horas, muitos membros da comunidade de criptomoedas estão aliviados e otimistas.

Pode ser muito cedo para celebrar, no entanto.

“O mercado está extremamente sobrevendido pela maioria das métricas – perto das mais vendidas na história do Bitcoin”, disse Mike McGlone, analista da Bloomberg Intelligence em Nova York na quarta-feira. De acordo com McGlone, o Bitcoin terá uma nova queda brusca em 2019, apesar do índice de força relativa da moeda e seu “desconto extremo” para a maioria das médias móveis.

“Os fundamentos das redes Bitcoin e Ethereum não caíram tanto quanto os preços”, escreveu o autor do popular livro Cryptoassets: O Guia Inovador do Investidor para Bitcoin e Além, Chris Burniske, em dezembro.

Mati Greenspan, analista sênior de mercado da eToro, uma plataforma de negociação e investimento social, acha que a compra de ativos que foram vendidos (normalmente para evitar perdas quando os preços sobem) é a única razão para o mercado verde.

“Os mercados são feitos de pessoas e é provável que a maioria das pessoas estejam procurando reduzir sua exposição antes dos feriados. Nas últimas semanas, houve muitas posições vendidas altas e alavancadas, e quando essas posições vendidas estão fechadas, isso cria pressão de alta sobre os preços de mercado”.

De acordo com Greenspan, a evidência dessa afirmação pode ser encontrada à vista de todos, já que o Bitcoin Cash subiu mais de 40% nas últimas 24 horas e representa uma prova disso para os movimentos do mercado.

“Veja como o Bitcoin Cash, que provavelmente tem sido o mais polêmico das moedas e que muitos culparam pelo recente slide, é quase o dobro do que o restante do mercado fez hoje”, acrescenta Greenspan.

Enquanto isso, na noite de quarta-feira, um entusiasta popular, conhecido no Twitter como Barba Negra, pediu a seus 33 mil seguidores que compartilhassem suas previsões de preço do bitcoin para o final deste ano. Das quase 200 respostas, a maioria estimou que o Bitcoin fechará 2018 em uma faixa de preço de cerca de US $ 3.000 a US $ 4.000.

Outras criptomoedas também estão no verde: o XRP ganhou cerca de 5%, o ETH está próximo de 7% e os outras seguem altas semelhantes, o Bitcoin Cash é o vencedor com um aumento de 40%. 

Nas 50 melhores moedas por capitalização de mercado, o único “perdedor” é a Maker (MKR) com -1%.

A capitalização de mercado do Bitcoin também atingiu uma alta de duas semanas de US $ 70 bilhões, enquanto o preço em si não foi visto acima de US $ 4.000 desde 4 de dezembro.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Leia mais sobre:
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Analista de Sistemas, entusiasta de criptomoedas e blockchain. Tradutor do site Bitcoin.org Sugestão de pauta: mateus@livecoins.com.br
Departamento de Tesouro dos Estados Unidos

Departamento do Tesouro dos EUA quer ferramenta para rastrear Bitcoin

A agência dos Estados Unidos responsável pela implementação de sanções contra empresas, parte do Departamento do Tesouro, quer uma ferramenta capaz de rastrear o...
Polícia investiga negócio de criptomoedas no ES

Corretora cripto é alvo de operação policial por fraude bilionária

A polícia da Coreia do Sul realizou uma operação em diversos escritórios de uma corretora de criptomoedas após a empresa ter sido acusada de ser...
Criptomoeda Ethereum mãe do DeFi

Banco Central dos EUA elogia Ethereum e inovação com DeFi

O Banco Central dos Estados Unidos de St. Louis publicou um artigo elogiando as inovações da plataforma Ethereum. Ao criar aplicações bancárias com tokens,...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias