Pessoas estão usando “coronavoucher” para investir em criptomoedas

As pessoas sabem que faltam menos de 25 dias para o Halving, que a pior crise econômica dos últimos 100 anos está chegando.

Siga no
Bitcoin e Dólar
Bitcoin e Dólar

O CEO da maior corretora de criptomoedas americana, a Coinbase, revelou que a empresa teve um aumento de depósitos de 1.200 dólares, coincidentemente, este é o mesmo valor que o governo federal americano está dando para os cidadãos dos Estados Unidos como forma de ajudar a superar a crise econômica causada pelo coronavírus, o valor foi apelidado de “coronavoucher”.

Assim como no Brasil, os americanos elegíveis estão recebendo esses valores que tem o objetivo de ajudá-los a lidar com os desafios da pandemia.

No entanto, o CEO da corretora de criptomoedas Coinbase revelou que algumas pessoas estão usando o “coronavoucher” para investir em criptomoedas.

O CEO da Coinbase, Brian Armstrong, revelou que a empresa registrou um forte aumento nos depósitos de US $ 1.200. Na conversão, o valor chega a R$ 6.258, mais de 10 vezes o valor disponibilizado pelo governo Brasileiro.

O governo dos EUA anunciou um pacote de estímulo de US $ 2,2 trilhões para ajudar a economia e as pessoas a superar a pandemia. Se a informação da Coinbase for confirmada, o valor de mercado das criptomoedas aumentará a cada dia. Como já vem acontecendo.

Ao mesmo tempo que o CEO da Coinbase fez a revelação, um post no Reddit mostra vários americanos revelando que pegaram o valor do governo para comprar bitcoin.

“Acabei de receber meu cheque de estímulo e comprei Bitcoin” disse, um usuário no Reddit

Outros usuários concordaram e disseram que fizeram ou farão o mesmo.

Os democratas da Câmara americana, estão propondo um novo projeto de lei que aumenta a quantia de US $ 1.200 para US $ 2.000 por mês até que a economia retorne ao nível anterior à crise.

“Como milhões de americanos pedem desemprego semana após semana, temos que trabalhar rapidamente – e isso significa colocar dinheiro nas mãos de famílias trabalhadoras”.

A nova proposta também reintroduz o dólar digital, que seria uma versão digital do dólar norte-americano controlado pelo banco central.

A lei proposta também criaria uma carteira digital como forma de pagar indivíduos e empresas afetadas pela crise financeira induzida por coronavírus.

22 milhões de pessoas desempregadas nos Estados Unidos. 

Divulgação/Agência Brasil

Até o momento, 22 milhões de pessoas nos Estados Unidos entraram com pedidos de seguro desemprego. O número tem aumentado exponencialmente devido ao bloqueio e à pandemia.

Os órgãos do governo estão tão sobrecarregados que várias pessoas ainda aguardam o pagamento do seguro desemprego. A pandemia causou estragos em todo o mundo, à medida que aumentam as reivindicações de desemprego e a economia cai. 

Os pagamentos de estímulo para muitas pessoas no país ainda não chegaram, pois o presidente Trump queria que cada cheque tivesse sua assinatura neles. 

Coronavoucher americano pode ser usado para comprar bitcoin e criptomoedas?

Não existem restrições sobre como o valor pode ser usado, o aumento de depósitos na Coinbase, que é a corretora de bitcoin mais popular dos Estados Unidos, revela que esses fundos, em vez de ajudar a comprar comida para algumas pessoas que inclusive perderam seus empregos, estão fazendo apostas com a expectativa de ganhar mais nos próximos dias.

Existem duas razões principais pelas quais essas pessoas possam estar investindo em bitcoin.

Primeiro porque falta menos de um mês para o halving, evento que tende a fazer o preço da moeda digital subir, pois aumenta sua escassez.

E segundo porque a moeda digital tem liquidez e é descentralizada.  Na Venezuela, por exemplo, país que enfrenta hiper inflação, o bitcoin tem sido usado como ativo seguro e moeda de troca, assim como o Ouro, já que a moeda do país, bolívar, não serve para nada.

Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.
Amazon e mão segurando Bitcoin

Amazon nega rumores de que vai aceitar Bitcoin como pagamento

A Amazon, terceira maior empresa em valor de mercado do mundo, negou nesta segunda-feira (26) que irá aceitar Bitcoin como pagamento este ano. Nos...
Preço do Bitcoin acima de US$ 40 mil

Após seis dias em alta, Bitcoin supera US$ 40 mil

O preço do Bitcoin rompeu os 40 mil dólares em um movimento forte do lado comprador e após seis dias de fechamento diário em...
Hacker segurando Bitcoin

Trader de Bitcoin tem e-mail hackeado e perde R$ 350 mil

Um trader de Bitcoin alega ter sido hackeado após um vazamento de dados e como resultado perdeu tudo que tinha na corretora Binance. Seu...

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias