Anúncio
Início Bitcoin Preço Histórico do Bitcoin

Preço Histórico do Bitcoin

Preço do Bitcoin de 2009 até 2018

-

Preço Histórico Bitcoin 2009 2017
Preço Histórico Bitcoin 2009 2017

O Bitcoin surgiu em 2009 e não era negociado em nenhuma exchange, para adquirir bitcoins era necessário fazer mineração ou comprar através de P2P. O primeiro preço da criptomoeda foi registrado em 2010. Em 2009 o Bitcoin “não valia nada”.

Em 2010 o preço do Bitcoin não superou US $1, o preço mais alto que ele chegou naquele ano foi de US $0,39. O Bitcoin vale o preço pelo qual as pessoas estão dispostas a comprar e vender. Veja abaixo uma imagem com o histórico completo de preço do Bitcoin desde 2009.

Preço Histórico Bitcoin
Preço Histórico do Bitcoin: Blockchain: https://blockchain.info/pt/charts/market-price?timespan=all

A resposta lógica para a pergunta “por que esse preço?” é simples: “oferta e demanda.”

A descoberta de preço ocorre em um ponto de encontro entre a demanda de compradores e o fornecimento de vendedores. No Bitcoin, a maioria da oferta é controlada por quem adotou a tecnologia logo no inicio e mineradores antigos.

Oferta do Bicoin

Bitcoin possui uma inspiração na raridade do ouro, ele foi projetado para ter uma quantidade finita de 21 milhões de moedas, mais da metade dessa quantidade já foi produzida.

Bitcoins em circulação
Bitcoins em circulação desde 2009: https://blockchain.info/charts/total-bitcoins?timespan=all

Quem teve a sorte de conhecer e adotar bitcoin nos anos inicias foram sábios o suficiente para ganhar, comprar ou minerar grandes quantidades de Bitcoin antes que ele tivesse um valor significativo.

Acredita-se que Satoshi Nakamoto, criador do bitcoin tenha um milhão de moedas, aproximadamente 4,75% da oferta total (de 21 milhões). Se Satoshi despejasse essas moedas no mercado, o excesso de oferta faria o preço entrar em colapso. O mesmo vale para qualquer detentor de grandes quantidades. Mas, qualquer indivíduo racional que procura obter lucros distribuiria suas vendas ao longo do tempo de modo a minimizar o impacto nos preços.

Atualmente os mineradores produzem cerca de 3.600 bitcoins por dia, uma parte é usada para cobrir custos com eletricidade e outras despesas comerciais. O custo de energia diária de toda a mineração é estimado em torno de US $500 mil. Dividir esse total pelo preço atual permite ver uma aproximação do número mínimo de bitcoins que os mineradores fornecem ao mercado diariamente.

Demanda do Bitcoin

A atual recompensa de mineração por bloco faz o fornecimento da moeda inflar todo ano. A taxa vai diminuindo acentuadamente a cada ano quando a próxima redução da recompensa acontece.

Apesar da inflação, o preço do Bitcoin está aumentando, o que indica uma demanda muito alta. Uma das formas de observar e avaliar a demanda de novos usuários no mercado é monitorar dados do Google Trends (desde 2011) como o termo “Bitcoin.” O reflexo do interesse público tende a se correlacionar fortemente com o preço.

Os altos níveis de interesse público podem fazer o preço subir, as publicações na mídia sobre o aumento de preço do Bitcoin atrai especuladores gananciosos e desinformados, criando um loop que leva a uma bolha e em seguida uma queda nos preços.

Como você pode ver no gráfico de histórico de preços, o Bitcoin já passou por diversas ciclos de valorização e desvalorização e provavelmente passará por mais no futuro.

Alguns dados de preço do Bitcoin:

  • Em 2009 o Bitcoin não valia nenhum centavo de dólar;
  • Em 2010 o Bitcoin chegou a valer US $0,39;
  • Em 2011 o Bitcoin  rompeu a barreira de um dólar e alcançou o valor de US $3,14
  • Em 2012 o Bitcoin encerrou o ano valendo US $12
  • Em 2013 o Bitcoin chegou a valer US $1.120
  • Em 2014 o Bitcoin teve uma grande perda de valor e fechou o ano valendo US $300
  • Em 2015 o Bitcoin teve uma pequena valorização e alcançou US $450
  • Em 2016 o Bitcoin voltou a valer US $1.000
  • Em 2017 o Bitcoin alcançou seu preço mais alto chegando a valer até US $20.000

Preço histórico do Bitcoin

2009$0
2010$0.39
2011$3.14
2012$12
2013$1.120
2014$300
2015$450
2016$1.000
2017$20.000
2018$6.000

Para acompanhar o preço em cada dia consulte a blockchain.info

É importante sempre lembrar que o Bitcoin é um projeto experimental e logo, um ativo altamente arriscado. Há uma quantidade muito alta de entidades que influenciam negativamente o preço, sendo a principal delas o risco legal de um governo proibir ou restringir negociações com a moeda.

O risco da rede seguir diferentes caminhos de desenvolvimento também é algo que pode influenciar o preço. O surgimento de uma moeda apoiada por grandes bancos (centrais) também podem fazer com que o Bitcoin perca parte do mercado

O preço do bitcoin vária de uma exchange para outra, em novembro de 2015 o bitcoin era negociado a US$ 2200 na Gemini enquanto na em outras exchanges era negociado a cerca de US$ 330.

Se você quiser mais ferramentas para análisar dados históricos de criptomoedas, veja nosso artigo com as melhores ferramentas.

Curta nossa página no Facebook e também no Twitterpara começar e terminar o dia bem informado. Cadastra-se também na Newsletter para receber em seu e-mail.
Mateus Nunes
Mateus Nuneshttps://livecoins.com.br
Fundador do Livecoins, Analista de Sistemas e entusiasta de criptomoedas e blockchain. Sugestão de pauta: [email protected]

MAIS LIDOS

5 motivos mostram que Bitcoin viverá o melhor ano de sua história em 2020

O bitcoin deverá vivenciar um momento histórico em 2020. Para alguns analistas, o próximo ano deverá elevar o preço da criptomoeda para valores jamais...

CEO da Anubis Trade prevê futuro “pesado” para criptomoedas no Brasil caso regulamentação não seja mais branda

Em entrevista sincera e reflexiva sobre o mercado brasileiro de criptoativos, Matheus Grijó, CEO da Anubis Trade, afirma que empreendedores brasileiros têm alto potencial...

Hardware Wallet: Vale a pena comprar uma?

Armazenar bitcoins com segurança é um assunto delicado. A natureza descentralizada do Bitcoin tem impactos importantes no seu armazenamento e manuseio, de forma que...

Atlas Quantum recebe reclamações sobre atrasos em saques de bitcoin

O Atlas Quantum recebeu 20 reclamações sobre atraso em saques de bitcoins recentemente. Essas reclamações foram publicadas no site Reclame Aqui, nos últimos quatro...

Bitcoin com 30% de desconto da Atlas é vendido em grupo do Facebook

Um anúncio nas redes sociais mostrou que 28 unidades de bitcoin foram vendidas com um desconto de cerca de 30%. A publicação foi feita...

Rumor: Unick Academy sofreu fraude, Restart para Unick 2.0

Atualizado 16/08. Rumor não confirmado pela Unick:https://www.youtube.com/watch?v=N2kTrvh8mX4Circula em grupos de Whatsapp da Unick Academy (conhecida anteriormente como Unick Forex) rumores sobre um suposto golpe...

Escreva seu comentário:

1Xbit

5 motivos mostram que Bitcoin viverá o melhor ano de sua história em 2020

O bitcoin deverá vivenciar um momento histórico em 2020. Para alguns analistas, o próximo ano deverá elevar o preço da criptomoeda para valores jamais...

CEO da Anubis Trade prevê futuro “pesado” para criptomoedas no Brasil caso regulamentação não seja mais branda

Em entrevista sincera e reflexiva sobre o mercado brasileiro de criptoativos, Matheus Grijó, CEO da Anubis Trade, afirma que empreendedores brasileiros têm alto potencial...