Rússia diz que vai “salvar” população de investir em criptomoedas

O banco central exigiu que os bancos locais bloqueiem as contas de alguns clientes e bloqueiem cartões de crédito e e-wallets suspeitos de envolvimento em transações duvidosas.

Rússia-ban-Bitcoin Imagem: Shutterstock
Rússia-ban-Bitcoin Imagem: Shutterstock

O Banco Central da Rússia começou a trabalhar com os bancos locais para desacelerar os investimentos em criptomoedas, a fim de reduzir os riscos de compras “emocionais”, de acordo com primeiro vice-presidente do Banco Central, Sergei Shvetsov, durante um discurso no fórum bancário internacional “Bancos da Rússia – século XXI”.

O vice-presidente do banco central frisou que pode explicar aos cidadãos que esta é uma “indústria de alto risco”, uma vez que não é protegida pelo Banco Central de forma alguma, e o próprio armazenamento de criptomoedas é arriscado.

O Banco Central da Rússia começou a trabalhar em estreita colaboração com os bancos locais para identificar compras de criptomoedas, e vai suspender os pagamentos enviados para as corretoras para evitar compras “emocionais” de bitcoins, “salvando” os investidores.

“Estamos começando a trabalhar com o sistema bancário para que ele desacelere os pagamentos a favor das corretoras de bitcoin, bloqueando as oportunidades de compras emocionais desse tipo de produtos”,  disse Shvetsov.

“Salvando” a população de comprar bitcoin

Sergey Shvetsov disse que as medidas foram tomadas para oferecer mais proteção aos investidores, destacando os riscos do mercado de criptomoedas “cair a zero” e o impacto que isso pode ter sobre os investidores.

Segundo ele, as pessoas não devem se atentar para o fato de que alguns países legalizaram o uso de criptomoedas, já que em sua visão, há certos temores de que esse tipo de sistema monetário entre em colapso total.

“Há uma grande probabilidade de que, como uma pirâmide financeira de alta tecnologia, tudo isso possa se desfazer a zero. Por que ele desmoronará? Pode haver centenas de razões, pode haver dezenas e centenas de respostas. Do nosso ponto de vista, este é um grande campo minado”, disse.

Rússia e Bitcoin

A medida vem na sequência de uma diretiva anterior do banco central para os bancos prestarem mais atenção a certos tipos de transações, incluindo aquelas que envolvem corretoras de criptomoedas e outros serviços de ativos digitais.

O banco central exigiu que os bancos locais bloqueiem as contas de alguns clientes e bloqueiem cartões de crédito e carteiras digitais.

O Banco da Rússia já havia instruídos os bancos comerciais e instituições de crédito a fortalecer o controle sobre certos tipos de transações das pessoas, incluindo transferências associadas a corretoras de criptomoedas.

Em documento oficial publicado em 6 de setembro, o Banco Central estabeleceu e deu explicações às entidades financeiras de varejo sobre os indícios de atividades suspeitas, que está na base do bloqueio de contas de clientes, carteiras eletrônicas ou cartões bancários.

O Banco da Rússia é negativo sobre toda a indústria de criptomoedas. Em julho, o regulador financeiro aconselhou as bolsas de valores russas a ficarem longe da lista de empresas estrangeiras e nacionais que oferecem serviços relacionados à criptomoedas.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Livecoins
Livecoins é um portal de blockchain e criptoeconomia focado em notícias, artigos, análises, dicas e tutoriais.

Últimas notícias