SEC promete que vai “pegar mais pesado” com criptomoedas após caso da FTX

Gensler disse que, para ele, muitas corretoras de criptomoedas não estão segregando de forma correta suas reservas e reservas de clientes, potencialmente criando riscos de novos colapsos como o da FTX.

O recente caso da FTX ainda continua fazendo vítimas e pode chegar a prejudicar o mercado ainda mais. A grande fraude de SBF fez com que muitas autoridades voltassem os olhares para as criptomoedas de forma negativa, incluindo Gary Gensler, presidente da SEC, que prometeu pegar ainda mais pesado com o setor no futuro.

Em uma entrevista para a Bloomberg, Gensler fez diferentes comentários em relação à Sam Bankman-Fried, cofundador e ex-CEO da FTX, que enfrenta acusações federais de fraude e conspiração com valores mobiliários.

Em meio ao começo do julgamento de SBF e com dois de seus ex-colegas da FTX/Alameda se declararem culpados de fraudar clientes, Gensler afirmou que a pista de pouso está ficando mais curta. 

Essa é uma referência ao que acontece se a pista acabar antes do avião conseguir decolar, expressão comum para indicar um tom de ultimato, de algo que acabará mal.

“A pista de pouso está ficando mais curta. Os cassinos nesse velho oeste são apenas intermediários não conformes.”, disse Gensler em entrevista.

Ou seja, ele está criticando diretamente as corretoras de criptomoedas, chamando-as de cassinos e indicando a sua “não conformidade” com as regulamentações, algo como acontece com a Binance, que vira e mexe é alvo da SEC e outras autoridades financeiras.

A SEC também está processando Bankman-Fried e os dois ex-executivos, Caroline Ellison e Gary Wang, por fraude de valores mobiliários. A agência parece tratar o token nativo da FTX, FTT.

Na entrevista, Gensler reafirmou sua visão de que a maioria das criptomoedas são valores mobiliários não registrados sujeitos à lei existente e devem ser registradas na agência como ações.

Ou seja, Gensler quer uma aproximação mais séria de muitas outras criptomoedas, com isso projetos como o BNB podem estar em risco de uma regulamentação mais grave. Vale lembrar que a própria Ripple, controladora do XRP está em uma batalha contra a SEC há muito tempo.

“Insiders vendem para o público uma ideia enquanto eles estão potencialmente e  fraudulentamente inflando o preço de suas ações. Isso leva a incentivos distorcidos e coloca o público em ainda mais risco.”, falou o presidente da SEC para a Bloomberg.

Presidente da SEC quer que o caso da FTX seja uma mensagem para o mercado de criptomoedas

Gensler disse que espera que as acusações contra o ex líder da FTX enviem uma mensagem para outras corretoras de criptomoedas que estão operando em violação das leis de valores mobiliários, alertando que as empresas que não estão em conformidade com os reguladores podem em breve enfrentar ações de execução.

Gensler disse que, para ele, muitas corretoras de criptomoedas não estão segregando de forma correta suas reservas e reservas de clientes, potencialmente criando riscos de novos colapsos como o da FTX.

💰 $100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Matheus Henrique
Matheus Henrique
Fã do Bitcoin e defensor de um futuro descentralizado. Cursou Ciência da Computação, formado em Técnico de Computação e nunca deixou de acompanhar as novas tecnologias disponíveis no mercado. Interessado no Bitcoin, na blockchain e nos avanços da descentralização e seus casos de uso.

Últimas notícias