Transação Bitcoin sem utilizar web ou energia? Foi feito!

Potencial tecnológico aumentado!

Siga no

Quando pensamos em utilizar o Bitcoin em transações no cotidiano, uma das preocupações é que são necessários vários itens de infraestrutura essenciais, como a web e também a energia elétrica, mas e se os mesmos não estiverem disponíveis no momento?

Se você pensa em ir a uma roça e quem sabe gastar os seus BTCs em uma venda no meio do nada se preocupa com a questão de não ser disponível, um desenvolvedor resolveu testar essa hipótese fazendo uma trilha, e gastar nela as suas moedas com o auxílio de uma nova tecnologia.

O fato ocorreu na Nova Zelândia, onde o desenvolvedor utilizou quatro equipamentos de baixo custo, chamado de goTenna (gasto U$ 26 de acordo com o mesmo), cordas para fixar o equipamento em locais estratégicos, e roupas de camuflagem.

Com o equipamento goTenna, as pessoas podem criar uma rede móvel separada com frequências de rádio RF, do qual não são necessárias redes de celular ou wi-fi para conexão, mas apenas um outro goTenna ao seu alcance. Isso pode ajudar a criar redes descentralizadas de pequenos alcances para transações de criptomoedas quando necessário, que no caso específico deste teste foi de 12.6 Km sem dados móveis ou wi-fi ao redor.

Óbvio que o dev, denominado em seu Twitter de Coinsure, provavelmente havia conhecimento de redes para realizar a configuração de todo o processo sem grandes dificuldades, e a partir disto, realizou a transação com uma wallet feita para dispositivos móveis Android, chamada de Samourai.

Um detalhe interessante da goTenna como rede descentralizada, a mesma em seu site oficial deixa disponível aos seus usuários um mapa de nós, o que favorece a quem necessita de conexão com outro dispositivo. O dispositivo goTenna possui criptografia para segurança.

Toda a aventura foi contada na íntegra pelo Twitter, há ressalvas e uma grande experiência a ser estudada para ser melhor implementada e testada.

Algo inegável, é que isto com certeza ajuda a facilitar e inovar o setor de redes descentralizadas e criptomoedas, com transações “fora da rede” em potencial a ser explorada cada vez mais.

Fonte: thenextweb

Leia mais sobre:
Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.

CVM multa em R$ 250 mil JJ Invest e seu dono, Jonas Jaimovick

A Comissão de Valores Mobiliários do Brasil se reuniu na tarde desta terça-feira (1) para julgar três processos. Em um deles, a CVM multou...

“5000 bitcoins grátis”, Zangado tem canal hackeado com golpe de bitcoin

O Zangado, um dos maiores youtubers do Brasil e um dos mais icônicos criadores de conteúdo para o público gamer acabou de ter o...

Líderes de golpe com bitcoin são condenados a 11 anos de prisão

Os líderes de um dos maiores golpes com bicoin da história foram julgados e considerados culpados por fraudar milhares de investidores em 14,8 bilhões...

Últimas notícias

“5000 bitcoins grátis”, Zangado tem canal hackeado com golpe de bitcoin

O Zangado, um dos maiores youtubers do Brasil e um dos mais icônicos criadores de conteúdo para o público gamer acabou de ter o...

Líderes de golpe com bitcoin são condenados a 11 anos de prisão

Os líderes de um dos maiores golpes com bicoin da história foram julgados e considerados culpados por fraudar milhares de investidores em 14,8 bilhões...

“Você se arrependerá por escrever isso”, Daniel Fraga em 2013 sobre quem zombava do bitcoin

Quem comprou bitcoins antes de 2015 provavelmente está bem contente hoje (caso tenha mantido a moeda). Mas você sabia que tem muita gente que...