Unicórnio da Argentina que comprou Bitcoin entrará no metaverso

Empresa quer aliar metaverso com tecnologia blockchain.

Siga no
Tecnologia de metaverso e blockchain
Tecnologia de metaverso e blockchain

Uma empresa argentina que comprou Bitcoin nos últimos meses agora vai entrar no metaverso, para oferecer ferramentas para o setor.

A Globant (NYSE: GLOB), que atua em cerca de 20 países e também no Brasil, é uma líder em soluções tecnológicas em vários países, oferecendo softwares e suporte para várias empresas grandes do mercado como Google, Rockwell Automation, Electronic Arts e Santander, entre outras.

Nos últimos meses, a empresa unicórnio da Argentina comprou Bitcoin no mercado como reserva de valor, após ver o Mercado Livre fazer o mesmo movimento. Assim, essas ações da Globant mostram que ela está antenada nas novas tecnologias.

Empresa unicórnio da Argentina vai entrar no metaverso com ferramentas

Na última sexta-feira (5), a Globant anunciou a criação do Metaverse Studio, um pacote de soluções que vai ajudar empresas que querem lançar suas próprias inovações neste setor que está em alta.

Nos últimos dias, por exemplo, o Facebook anunciou a criação de seu metaverso, mostrando ao mundo as possibilidades com essa tecnologia.

Para Martín Migoya, CEO e cofundador da Globant, o metaverso é um ambiente onde as empresas podem expandir suas capacidades de forma digital.

“Os Metaversos são novos espaços digitais onde as empresas podem alargar a sua presença, oferta e criatividade, maximizando a participação de clientes e colaboradores. Estes novos espaços abrirão as portas da reinvenção das interações entre marcas existentes e consumidores, bem como do crescimento dos negócios de marcas digitais”.

Para explicar mais detalhes sobre o metaverso, a Globant está promovendo no próximo dia 10 de novembro, às 13 horas, o evento “Converge, The Power of Reinvention“, que está com inscrições abertas para uma edição online que contará com vários participantes e artistas.

Metaverso com blockchain

A nova solução Metaverso Studio utilizará todos os recursos já existentes na Globant para criar experiências aos clientes. Assim, áreas como a de digitalização, mídia, videogames e blockchain serão utilizadas para desenvolver experiências.

Uma equipe de 2 mil pessoas da Globant, espalhada pelo mundo, trabalharão em projetos ligados ao Studio, ajudando os clientes a construírem seus metaversos.

Para Matías Rodríguez, VP de Tecnologia do Metaverse Studio, “essa tecnologia é a próxima evolução da nossa sociedade“.

“O metaverso é a próxima evolução da nossa sociedade. Diversas marcas já vêm explorando o espaço e criando experiências inovadoras, mas entendemos que as empresas devem ter uma visão holística de sua existência no metaverso para ter sucesso. Queremos ajudar nossos clientes a repensar a experiência do consumidor e reinventar seus modelos de negócios para o futuro”.

Compre Bitcoin na Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br.



Siga o Livecoins no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Homem com capacete de alumínio chamando Bitcoin de Fake News

“Bitcoin é lixo, prefiro Shiba Inu e Dogecoin”, diz ex-político holandês

Para um ex-político holandês que ficou rico com Dogecoin, as criptomoedas inspiradas em cachorro DOGE e SHIBA são melhores que o Bitcoin. o Milionário...

Jack Dorsey abandona Twitter e agora pode se dedicar ao Bitcoin

Jack Dorsey, criador do Twitter, abandonou o cargo de diretor executivo da empresa nesta segunda-feira (29). Seu cargo será ocupado por Parag Agrawal que...

Iate virtual é vendido por R$ 3,7 milhões no Metaverso

O setor do Metaverso parece estar ganhando cada vez mais tração nos últimos dias, após a venda de um terreno por R$ 14 milhões...
.

Cotação do Bitcoin por TradingView

Últimas notícias