Telegram-Passport.jpg

Um vídeo “vazado” mostra o funcionamento do token Gram, a criptomoeda do Telegram.

O vídeo mostra dois casos de uso do token Gram dentro do aplicativo, a compra de um jogo e uma doação para um vídeo transmitido ao vivo.

Como era de se esperar, o pagamento e a doação foram instantâneos, com apenas um toque.

O Telegram está promovendo a tecnologia blockchain para um enorme publico, já que o aplicativo já conta com mais de 300 milhões de usuários. O Telegram não publicou nenhum tipo de informação oficial sobre o token. Não há documentação, código aberto e nem mesmo um site.

Este sigilo é um pouco repulsivo, especialmente considerando que se trata de uma blockchain privadaEntão, podemos não ter conhecimentos de entidades que possuem todo o suprimento dessa moeda.

----- Publicidade ------ 
BitcoinTrade
-----

O vídeo foi vazado provavelmente por Marat Kharrasov, um desenvolvedor iOS, e não é um vazamento oficial. O Telegram arrecadou cerca de US $ 2 bilhões na venda do token Gram.

A blockchain sobre o qual o token é executado, é a Telegram Open Network (TON), que terá uma máquina virtual (TVM) com contratos inteligentes e um design complexo que pode soar familiar se você costuma ler as páginas técnicas.

O projeto é Proof of Stake (PoS) – prova de participação. Existem 100 validadores de rede, que podem aumentar para 1.000. Esses validadores são nomeados por outros portadores de tokens, sendo que aqueles que indicarem terão que cancelar uma participação. Então, se os validadores se comportarem mal, os nominadores também perderão sua participação.

No geral, parece que o vídeo é real, pois é difícil imaginar porque alguém iria passar por todo esse esforço de criar um vídeo falso.

XDEX: Negocie bitcoin com TAXA ZERO. Aproveite também para negociar outras 6 criptomoedas com as menores taxas do mercado. Abra sua conta, é grátis!