Adoção em massa das criptomoedas é inevitável

A primeira tecnologia financeira global de verdade!

Siga no

O mercado das criptomoedas surgiu em meio a uma necessidade de melhorar as finanças globais, com uma tecnologia criada para fazer com que todas as pessoas pudessem ser donas de seu dinheiro.

Com uma tecnologia que veio para libertar as pessoas de bancos e governos, as criptomoedas possuem um futuro promissor de acordo com On Yavin, CEO da empresa Cointelligence.

Yavin utiliza seu conhecimento de mais de 20 anos como empreendedor para mostrar as empresas que estão entrando no mercado de criptomoedas e blockchain as melhores práticas para atuar com a tecnologia e já é considerado por alguns como especialista no assunto.

Em uma entrevista para a Bussiness Review no dia 04 de fevereiro, o analista falou sobre vários temas como ICO, STO, dizendo ainda que acredita que a “adoção em massa é inevitável para criptomoedas e blockchain”.

Porém, ele acredita que os governos darão um jeito de regulamentar a tecnologia das criptomoedas antes que elas ganhem essa adoção, com grandes debates entre a comunidade criptográfica mundial, governos e empresas pautando o futuro do setor.

Sobre a blockchain, ele acredita que o uso já está presente em muitos bancos e patentes geradas pelas instituições, o que demonstra o interesse do setor.

A empresa conduzida pelo CEO, montou uma plataforma para ensinar sobre blockchain e criptomoedas para pessoas do Reino Unido, que ainda palestra em países europeus sobre o tema.

No Brasil já se vê várias instituições seguindo o que Yavin falou em sua entrevista como o BNDES, por exemplo, aumentando a utilização da blockchain para melhorar sua transparência e seus serviços.

Outros casos de uso já são vistos por empresas de saúde como a ZHealth que utiliza o DLT da Hyperledger e a OriginalMy que utiliza várias blockchains para o setor notarial, além de muitas outras que estão surgindo para resolver problemas em que a blockchain em si não é o produto principal, mas uma parte importante dos projetos.

Apesar dos preços em baixa das criptomoedas e o market cap afetado, os entusiastas como Yavin estão correndo atrás de criar cada vez mais com a nova tecnologia descentralizada e o futuro ninguém pode parar.

Gustavo Bertolucci
Gustavo Bertoluccihttps://github.com/gusbertol
Graduado em Análise de Dados e BI, interessado em novas tecnologias, fintechs e criptomoedas. Autor no portal de notícias Livecoins desde 2018.
Bitcoin-carta-amigos-e-familiares

Desenvolvedor do bitcoin escreve carta para amigos e família: “comprem bitcoin”

O bitcoin continua se mostrando um investimento por diferentes motivos, tanto para quem realiza trades quanto para quem vê a moeda como uma reserva...
Comunistas + Bitcoin

Comunistas adotam o bitcoin

Use blockchain para “aproveitar os meios de produção monetária”. É assim que começa o livro escrito pelo filósofo Mark Alizart, Criptocomunismo. Ele argumenta que a...
Bitcoin em chamas

Bitcoin bate novo recorde de preço e ultrapassa alta histórica de 2017

O Bitcoin atingiu no inicio da tarde desta segunda-feira seu maior valor. Depois de quase três anos a moeda digital superou seu antigo preço...

Últimas notícias

Comunistas adotam o bitcoin

Use blockchain para “aproveitar os meios de produção monetária”. É assim que começa o livro escrito pelo filósofo Mark Alizart, Criptocomunismo. Ele argumenta que a...

Bitcoin bate novo recorde de preço e ultrapassa alta histórica de 2017

O Bitcoin atingiu no inicio da tarde desta segunda-feira seu maior valor. Depois de quase três anos a moeda digital superou seu antigo preço...

Blockchain pode ajudar Open Banking a diminuir riscos

O chamado Open Banking está sendo implementado no Brasil e a tecnologia blockchain pode ajudar o novo sistema. De acordo com a Forbes, apesar...