Analistas acreditam que Bitcoin cairá para os US$ 60.000 em breve, entenda

Dólar forte e crise das mineradoras após o halving pressionam o Bitcoin.

O Bitcoin passou por uma semana difícil, perdendo 7% de seu valor nos últimos 7 dias. De qualquer forma, especialistas acreditam que a queda pode continuar nos próximos dias, levando o BTC para os US$ 60.000.

Enquanto alguns citam a força do dólar, diminuindo o apetite por ativos de risco, outros dão destaque para grandes mineradoras. Isso porque o halving diminuiu suas receitas pela metade, o que está forçando diversas empresas a vender suas reservas, criando uma pressão vendedora no mercado.

No momento desta redação, o BTC está sendo negociado por US$ 67.000 nas principais corretoras. Portanto, para atingir o alvo de US$ 60.000, seria necessária uma nova queda de 10,5%.

Dólar forte pressiona Bitcoin

Enquanto diversos bancos centrais já realizaram cortes nas taxas de juros, o Fed ainda não realizou mudanças. Segundo os últimos dados de emprego e inflação, o BC americano não têm motivos para se apressar.

Dado isso, o dólar segue forte, pressionando outras moedas, incluindo o Bitcoin.

“Há uma nova onda de força do dólar e demanda por ações”, disse Alex Kuptsikevich, analista sênior de mercado da FxPro, em texto compartilhado pelo CoinDesk. “A demanda por ativos de risco está diminuindo gradualmente, formando uma sequência de máximas intradiárias decrescentes para o bitcoin.”

“O bitcoin continua testando a força da média móvel de 50 dias, mas não encontra motivo suficiente para cair mais. Esse teste persistente das mínimas deixa os ursos na vantagem, com seu próximo alvo em US$ 60.000.”

Média móvel de 50 dias (MA50) está sendo testado, diz analista. Fonte: TradingView.
Média móvel de 50 dias (MA50) está sendo testado, diz analista. Fonte: TradingView.

Crise das mineradoras significa pressão vendedora

Somado a isso, outros analistas estão acompanhando o movimento das mineradoras. Desde o halving, realizado no final de abril, a recompensa por bloco foi reduzida de 6,25 para apenas 3,125 BTC.

“O potencial de alta do Bitcoin pode ser limitado devido à demanda de caixa dos mineradores”, comentaram analistas da exchange bitBank, em texto também compartilhado pela CoinDesk. “Desde maio, o caixa dos mineradores de bitcoin tem diminuído gradualmente, sugerindo que suas operações estão mais apertadas desde o halving.”

“As crescentes saídas líquidas de BTC dos mineradores não pressionam necessariamente o preço do bitcoin. No entanto, os preços tendem a estagnar.”

Segundo dados da CryptoQuant, o estoque dos mineradores está no menor nível de seus últimos 14 anos. Embora isso possa preocupar no curto prazo, também pode ser um alívio para o longo prazo, algo similar às vendas de BTC pelo ETF da Grayscale no primeiro semestre desse ano.

Por fim, essa pressão no Bitcoin também é um alerta para investidores de outras criptomoedas. Isso porque esses projetos costumam ter quedas mais fortes do que o BTC, o que já está acontecendo com alguns deles.

Diversas criptomoedas apresentam baixas superiores a 20% nesta semana enquanto BTC é pressionado. Fonte: CoinMarketCap.
Diversas criptomoedas apresentam baixas superiores a 20% nesta semana enquanto BTC é pressionado. Fonte: CoinMarketCap.

 

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na maior corretora de criptomoedas do mundo e ganhe até 100 USDT em cashback. Acesse Binance.com

Siga o Livecoins no Google News.

Curta no Facebook, TwitterInstagram.

Entre no nosso grupo exclusivo do WhatsApp | Siga também no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Henrique HK
Henrique HKhttps://github.com/sabotag3x
Formado em desenvolvimento web há mais de 20 anos, Henrique Kalashnikov encontrou-se com o Bitcoin em 2016 e desde então está desvendando seus pormenores. Tradutor de mais de 100 documentos sobre criptomoedas alternativas, também já teve uma pequena fazenda de mineração com mais de 50 placas de vídeo. Atualmente segue acompanhando as tendências do setor, usando seu conhecimento para entregar bons conteúdos aos leitores do Livecoins.

Últimas notícias

Últimas notícias